Topo

Blocos de rua


Com gritos de "Fora Temer", Orquestra Voadora estreia em São Paulo

Jussara Soares

Colaboração para o UOL, em São Paulo

04/03/2017 17h04

A Orquestra Voadora, bloco carioca inspirado nas antigas fanfarras e que mistura metais, percussão e artistas circenses, desfilou neste sábado (4), na Vila Nova Conceição, bairro nobre da Zona Sul de São Paulo, com gritos de "Fora Temer", acompanhado pelo modesto público que seguiu o cortejo.

O cicerone da Orquestra pediu por educação gratuita e de qualidade, pela legalização da drogas e para que o poder público com movimentos sociais, como MTST e estudantes secundaristas. Durante o trajeto, delações de Marcelo Ordebrecht citando o presidente Michel Temer foram lembradas.

De acordo com a Prefeitura, 3 mil pessoas foram à Avenida Hélio Pellegrino. Já os organizadores estimam um público rotativo, ente 10h e 16h30, de 5 mil a 10 mil pessoas.

Fundado em 2008 no Rio de Janeiro, o grupo se apresenta com trompete, trombone, tuba e sax. Sem um vocal, metais e percussão tocam sucessos da MPB e hits internacionais. Pernas de pau, malabares e acrobatas completam o cortejo.

Dois ônibus com cerca de 90 pessoas saíram do Rio de Janeiro para participar do desfile em São Paulo. Outros integrantes vieram por conta própria de avião, como foi o caso da analista de compras Rafaelle Castro. "Era uma curiosidade ter essa experiência em São Paulo", afirmou.

"É muito bacana esse momento de troca ente Rio e São Paulo. São cidades diferentes, mas a festa é uma só", diz André Ramos, um dos fundadores da Orquestra.

O pós-Carnaval na Vila Nova Conceição começou com outro bloco carioca, o Batucalacatuca, que se apresentou com cerca de 40 músicos.

Rogério Oliveira, produtor da Pipoca.Co, responsável pela organização dos desfiles, disse que inicialmente a intenção era sair no Centro. "Mas como vimos que a região estava com muitos blocos, resolvemos vir para Vila Nova Conceição. Essa festa existe para isso: ocupar novos lugares na cidade, se levar menos a sério e tornar a vida mais leve depois do Carnaval", disse.