PUBLICIDADE

Topo

Victor Machado

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Dieta detox não é proibida, mas não elimina toxinas nem combate o inchaço

iStock
Imagem: iStock
Victor Machado

Victor Machado é nutricionista, pós-Graduado em nutrição esportiva e em nutrição Comportamental. Atua com foco em comportamento alimentar e é o idealizador da marca Nutrição Sincera, que tem como objetivo passar informações sobre saúde, alimentação e bem-estar por meio do humor.

Colunista do UOL

15/02/2021 04h00

A pandemia trouxe muitas mudanças — dentre elas, a confusão sobre o feriado de Carnaval e o cancelamento das festas e desfiles. Mas, mesmo com a proibição dos eventos, muitas famílias optaram por se reunir, festejar e/ou descansar nesse momento. Os exageros e excessos alimentares ou alcoólicos são comuns nesse feriado e, por isso, ainda existe uma procura por estratégias que possam "limpar" o organismo após o período.

Os métodos de "limpeza do organismo" utilizando uma dieta específica com sucos e sopas "detox", com o objetivo de eliminar toxinas ou reduzir o inchaço após o Carnaval, ganhou força nos últimos anos. Muitos acreditam que fazer essa dieta é a solução após momentos de folia, para eliminar os excessos. Mas, na verdade, não existe necessariamente uma dieta para essa situação, pois quem faz o processo de eliminação de toxinas são os rins e o fígado, não um suco ou uma sopa.

Isso não proíbe o uso de sucos ou sopa detox, mas é importante deixar claro que o processo de limpeza do organismo não acontece de forma mágica ou é dependente de uma dieta especial. A eliminação de toxinas se trata de um processo natural do corpo.

Invista em frutas e vegetais

Desde que você esteja com hábitos saudáveis na maior parte do tempo, não são os excessos do carnaval que vão prejudicar sua saúde. Apenas se atente a estar com o consumo de vegetais e frutas em dia. Dessa forma, o organismo produz uma gama de bactérias benéficas para o intestino, favorecendo um baixo envio de toxinas para o fígado.

Pensando em saúde intestinal, além do consumo de vegetais e frutas, é importante manter a hidratação agora ou após o recesso, pois isso também favorece o processo de limpeza do organismo. Se for possível manter o consumo de proteínas pelo menos nas refeições principais, como o almoço e o jantar, melhor ainda, pois serão fornecidos aminoácidos necessários para o fígado conseguir trabalhar com mais eficácia.

Se quiser pensar em alimentos interessantes, são todos aqueles com presença de Vitaminas do complexo B, antioxidantes, vitamina E e vitamina C. Ou seja, frutas e vegetais em geral. Veja algumas dicas abaixo:

  • Mamão;
  • Abacate;
  • Laranja;
  • Maçã.

Alimentos ricos em gorduras boas:

  • Castanha do Pará;
  • Amêndoas;
  • Amendoim;
  • Nozes.

Alimentos fontes de Proteina:

  • Carnes;
  • Ovos;
  • Leites e derivados;
  • Aves e peixes.

A indicação desses alimentos não é para que sejam utilizados em uma "dieta detox", mas sim para que façam parte da rotina. Esses hábitos ajudam o corpo a eliminar as toxinas de um eventual exagero. Portanto, não tem problema fazer uma sopa ou um suco utilizando esses alimentos, apenas tente simplificar a sua alimentação, sem precisar criar métodos místicos para o corpo fazer o processo natural de limpeza.

Bom "não carnaval" e feriado para você!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL