PUBLICIDADE

Topo

Amber Head afirma que Johnny Depp a agrediu em seu 30º aniversário

"Depois de me agredir, ele foi embora, como sempre fazia", relatou a atriz - André Moreira/ Foto Rio News
"Depois de me agredir, ele foi embora, como sempre fazia", relatou a atriz Imagem: André Moreira/ Foto Rio News

De Universa, em São Paulo

21/07/2020 23h15

A atriz Amber Heard afirmou hoje em audiência que, no dia em que completou 30 anos de idade, foi agredida por Johnny Depp.

A agressão teria acontecido no dia 21 de abril de 2016, após a festa de aniversário. Ela teria reclamado que o ator chegou atrasado à comemoração, o que teria dado início ao ataque.

"Depois de me agredir, ele foi embora, como sempre fazia", relatou a atriz.

A audiência de hoje foi a 11ª no processo de Depp contra o jornal britânico The Sun, que o chamou de "agressor de esposa".

No tribunal em Londres, Heard continuou: "Mais uma vez, eu dormi sozinha na casa. Acordar no meu 30º aniversário coberta por vidro, fiquei de coração partido."

O casamento dos dois terminou um mês depois dessa agressão: no dia 23 de maio de 2016, Amber Heard pediu o divórcio e tentou obter uma medida de restrição contra Depp.

O ator nega as acusações e afirma que também foi agredido por Heard.

Violência contra a mulher