PUBLICIDADE

Topo

Alto Astral


Como é o capricorniano? Doses de calma no estresse e ironia ao reclamar

Claudia Dias

Colaboração para Universa

31/01/2020 04h00

O décimo signo do zodíaco, Capricórnio, tem a responsabilidade como sobrenome; comprometimento e discrição como nomes do meio— tudo reflexo do regente Saturno.

Ligado ao elemento terra, o signo tem energia cardeal— também chamada cardinal. Isso significa que todo capricorniano é dotado de foco, determinação e iniciativa.

"Fazendo uma analogia, é aquele que chega ao topo da montanha sempre", comenta a astróloga Paula Arruda. Não à toa, a cabra é o animal que o simboliza. Mas isso não significa que a jornada de Capricórnio é sempre fácil.

A seguir, a especialista comenta 13 situações que só quem nasceu entre 22 de dezembro e 20 de janeiro já viveu.

1. Engolir sapo para alcançar meta

Para chegar aonde deseja, sobretudo no sentido de ser reconhecido, o capricorniano suporta o que for necessário - e não se deixa desviar da meta jamais! Na sua mente, o pensamento é um só: chegar lá, custe o que custar.

2. Estudar na fila do banco

Por ser regido por Saturno, o "senhor do tempo", Capricórnio aprendeu a ter paciência. Sabe ocupar bem seu tempo quando precisa aguardar por algo. Isso significa que será sempre aquela pessoa com um livro na mão aguardando a vez no caixa bancário ou no consultório médico.

3. Chegar atrasado, mas chegar

Sabe aquela montanha bem alta? É lá que Capricórnio quer estar. Para isso, não há pressa. Aliás, é comum ele chegar tarde aos compromissos. Outras pessoas poderiam até desistir na mesma situação que ele, mas o nativo do signo faz questão de ir até o fim com suas metas e promessas.

4. Trabalhar semanas sem parar

É um workaholic, que trabalha mais do que deveria, e é capaz de ficar semanas atuando num mesmo projeto, inclusive sem pausas. Para Capricórnio, o trabalho está sempre em primeiro lugar. Se tiver um nativo do signo ao seu lado, entenda que, para ele, é um tanto quanto desafiador se desligar das obrigações que surgem no seu caminho.

5. Relaxar só na fase adulta

Sabe um "criança séria", que se mostra muito mais responsável que os coleguinhas e até se cobra demais? Pois muito provavelmente é um serzinho de Capricórnio, alguém que só vai entender que é possível relaxar quando se tornar adulta. Só nesta fase da vida é que vai se permitir "se soltar".

6. Ter calma nos momentos de desespero

Enquanto todo mundo estiver desesperado com algo ou alguma situação, o nativo de Capricórnio será aquela pessoa que vai conseguir agir calmamente, como se estivesse alheio a tudo. Mesmo nervoso internamente, ele consegue manter a calma para atuar com consciência.

7. Reclamar com ironia

O capricorniano possui uma ironia fina, até quando ele resolve reclamar — algo que faz com certa constância, aliás. Acaba sendo engraçado acompanhar seu jeito resmungão de ser.

8. Não dar bola para elogios

Para este signo, um trabalho bem feito é mais do que obrigação, não só dele, mas de todo mundo. Por isso ignora completamente qualquer tipo de aplauso.

9. Jamais falar da vida alheia

Quando ele está em um grupinho e a turma começa a falar sobre alguém, o capricorniano é aquele que vai se manter quieto, só observando. Ele não se envolve, nem contribui para conversas do gênero, pois não gosta de superficialidade.

10. Se apaixonar por pessoas mais velhas

É bem comum o capricorniano (ou quem tem Capricórnio forte no mapa astral), se conectar a pessoas mais velhas. Não raro também é o nativo se casar com alguém com boa diferença etária. A sabedoria e a vasta experiência de vida são pontos que atraem o signo.

11. Só ir a lugares em que se sente bem

O capricorniano precisa se sentir à vontade sempre. Ele chega ao ponto de deixar de ir a uma festa da melhor amiga se não houver muitos conhecidos no local. Discreto e introspectivo, prefere isso a ficar num canto sozinho, sem algum útil para passar o tempo.

12. Negar ajuda de conhecidos

Está aí alguém que precisa de independência e autonomia. O nativo não gosta de depender de ninguém e sabe se virar muito bem sozinho. Para ele, é muito importante essa introspecção.

13. Nunca ter cometido uma gafe

Bastante atento às convenções sociais, sabe como ninguém se portar de acordo com diferentes ocasiões - comportamento que adquire desde muito cedo. Isso significa que dificilmente dará uma bola fora ou cometerá uma gafe durante a vida.

Alto Astral