PUBLICIDADE
Topo

Tirar mancha e mais: veja usos do bicarbonato de sódio que a ciência aprova

Bicarbonato de sódio pode ajudar a tirar manchas - Getty Images
Bicarbonato de sódio pode ajudar a tirar manchas Imagem: Getty Images

Melissa Cruz Cossetti

Colaboração para Tilt, do Rio de Janeiro

27/09/2021 04h00

O bicarbonato de sódio é um produtos mais queridos para se ter em casa. Pela internet é fácil encontrar dezenas — senão, centenas — de formas de usá-lo no preparo de alimentos, na limpeza da casa, lavagem da roupa ou mesmo na higiene pessoal. Contudo, é natural ter dúvidas sobre como o composto químico funciona e como a ciência comprova ou explica suas aplicações.

Versátil, o bicarbonato de sódio é popular por sua alcalinidade (neutralizar ácidos) e também suas funções sanitizantes (que desinfetam). Ele combina muito bem com a cozinha. Não só para limpeza, mas como fermento químico. Porém, ele vai muito além disso.

Tilt conversou com quem entende do assunto para descobrir os usos comprovados pela ciência do composto:

  • Pablyana Rodrigues, professora do departamento de química orgânica e inorgânica da UFC (Universidade Federal do Ceará)
  • Jaqueline Senra, professora do departamento de química geral e inorgânica do Instituto de Química da UERJ (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)

O que é o bicarbonato de sódio?

O bicarbonato de sódio é um composto derivado da dissolução do gás carbônico (CO2) da atmosfera na água. Ele pertence à classe dos sais inorgânicos, compostos que contêm um cátion metálico e um ânion. Através da sua representação, NaHCO3, identifica-se o íon bicarbonato (ou hidrogenocarbonato, HCO3-) com propriedades básicas. Ou seja, alcalinas.

Trata-se de um sólido cristalino, nas condições ambientes, mas geralmente é encontrado como um pó finíssimo e branco. Os comprados em supermercados podem conter grau de pureza inferior a 95% e granulometria maior (ou seja, ser um pouco mais espesso).

Usos do bicarbonato de sódio

1. Fermentação química

Na culinária ele pode ser usado como substituto do fermento biológico em bolos e biscoitos. Neste caso, em que é empregado para dar volume a massas doces, o processo é chamado de "fermentação química".

Mas, você deve estar se perguntando como, então, o seu bolo vai crescer e ficar bem fofinho? O truque é adicionar uma colher pequena de bicarbonato de sódio. Quando aquecido a temperaturas acima de 50°C, libera dióxido de carbono (CO2), o que deixa o alimento mais aerado.

"O bicarbonato, ao reagir com algum ácido, que pode estar presente no fermento em pó ou no próprio alimento, produz gás carbônico (CO2). As bolhas de gás liberadas ficam retidas na massa e provocam a sua expansão, de modo a fazê-la crescer", explica a professora Rodrigues.

biscoitos - Léo Avesani - Léo Avesani
Biscoitos
Imagem: Léo Avesani

"O composto pode permitir a obtenção de misturas cremosas, além de atuar na textura de certos alimentos, permitindo desde um melhor tempo de cozimento [como é o caso do feijão] até a obtenção de biscoitos mais aerados", acrescenta a professora Senra.

Outra dica é usá-lo para reduzir pesticidas em frutas. Um estudo da American Chemical Society aplicou dois pesticidas — tiabendazol e fosmete — em maçãs orgânicas. Depois de higienizadas com imersão em uma solução de água com 1% de bicarbonato de sódio por 15 minutos, as maçãs tiveram redução de 80% no tiabendazol e 96% no fosmete.

2. Remoção de manchas

Devido às propriedades alcalinas, o bicarbonato de sódio possui boa ação antisséptica (degradando ou inibindo a proliferação de micro-organismos) e é indicado em receitas caseiras para limpeza de superfícies e pisos.

O composto também auxilia na remoção de manchas sensíveis a variações de pH, como aquelas provocadas por corantes naturais ou artificiais como em molhos ou nas maquiagens, manchas de café ou de chá.

"Misture uma parte de bicarbonato para duas partes de água e deixe em contato com a mancha por até um dia. Lave após o tempo de contato", detalha Jaqueline Senra.

Além do uso do composto apenas misturado em água, a professora da UERJ aponta para bons resultados usando uma combinação do bicarbonato de sódio com o suco de limão.

"É uma boa combinação para a remoção de algumas manchas. As propriedades ácidas do suco de limão já são comprovadas para a limpeza. Quando misturado ao bicarbonato, a formação de citrato de sódio (em certa extensão) auxilia na limpeza devido às suas propriedades detergentes", explica.

Contudo, a profissional lembra que é importante considerar pequenas quantidades, o suficiente para uso doméstico e função sanitizante.

3. Extintores de incêndio

Uma combustão é o nome dado para definir uma reação química exotérmica que ocorre entre um combustível (seja ele líquido, sólido ou gasoso) e um comburente (que na maioria das vezes é um gás com oxigênio).

É possível combater uma combustão de duas formas: com a redução da temperatura e/ ou com a redução de oxigênio. A maioria dos extintores não utiliza água para combater o fogo, mas o gás carbônico (CO2) pressurizado, originado da reação envolvendo bicarbonato de sódio no estado aquoso, liberando o gás carbônico.

"Este sal [bicarbonato de sódio] também é utilizado em extintores de incêndio, pois impede a propagação das chamas, se decompondo com o calor, formando gás carbônico e água", detalha a professora da UFC.

Mas vale lembrar que esta é uma reação química esperada em extintores de incêndio certificados e não deve ser provocada sem orientação.

4. Indústria farmacêutica

Você já deve ter ouvido falar que este composto age como antiácido estomacal, ajudando na sensação de azia, sendo usado para a fabricação de vários comprimidos efervescentes.

"Neste caso, o íon HCO3- reage com o ácido presente no estômago e forma CO2 gasoso. Ele também é utilizado como tampão para muitos fluidos, incluindo produtos farmacêuticos e como solução injetável para corrigir acidose metabólica", completa a química da UFC.

5. Cosméticos e cuidados pessoais

Além dos usos baseados na sua alcalinidade, há também as aplicações em cremes dentais branqueadores e em outros produtos da categoria de cuidados pessoais, como talcos e desodorantes. "Isso acontece porque o bicarbonato de sódio neutraliza odores, em vez de mascará-los. Consequentemente, é usado em sais de banho e desodorante corporal", diz Pablyana Rodrigues.

Bicarbonato de sódio - Getty Images - Getty Images
Imagem: Getty Images

Ainda no campo dos cosméticos, a professora da UERJ lembra que o bicarbonato pode permitir a esfoliação leve da pele (os grânulos, de fato, podem ajudar a remover as células mortas), fazer branqueamento dental, além de reduzir os odores.

Para deixar um ambiente sem cheiros, por exemplo, usa-se o truque de manter um pouco de bicarbonato em um pote aberto dentro da geladeira para acabar com maus odores.

Cuidados com o bicarbonato de sódio

Para qualquer prática que envolva a saúde humana, o uso do bicarbonato de sódio ou de produtos que o tragam em sua composição deve ser avaliado junto a um médico. E, quando usado para fins de limpeza doméstica, ter alguns cuidados especiais.

Devido às propriedades básicas, o uso do composto químico deve ser feito com cuidado se em contato com certos componentes, como os populares vinagre e suco de limão.

A professora da Jaqueline Senra esclarece:

  • Vinagre (ácido acético): pode haver alta liberação de CO2 e risco de acidentes se forem utilizadas grandes quantidades. O uso com suco de limão (o qual contém ácido cítrico em maior proporção) também deve ser feito com um certo controle.
  • Objetos de alumínio e prata: as propriedades do bicarbonato de sódio podem ter efeito abrasivo em certos metais, o que danifica parte das superfícies metálicas.

Dito isso, tenha cuidado ao fazer misturinhas de bicarbonato de sódio que envolvem ácidos como vinagre e limão, sempre usando quantidades pequenas. Além disso, observe se há metais nas superfícies a serem limpas para que não sofram com a ação abrasiva no local.