PUBLICIDADE
Topo

Com quatro câmeras principais, Nokia 5.3 chega ao Brasil por R$ 1.899

Nokia 5.3 é um celular intermediário da HMD Global - Divulgação
Nokia 5.3 é um celular intermediário da HMD Global Imagem: Divulgação

Bruna Souza Cruz

De Tilt, em São Paulo

05/11/2020 10h00Atualizada em 05/11/2020 11h43

A HMD Global, dona da marca Nokia, anunciou nesta quinta-feira (5) a chegada do Nokia 5.3 ao mercado brasileiro. Com câmera quádrupla e bateria que promete durar até dois dias, o novo modelo custa R$ 1.899. O preço e configurações colocam o lançamento dentro da categoria de smartphones intermediários.

A empresa também anunciou a chegada do Nokia C2, um modelo mais simples que poderá ser comprado por R$ 799.

Os dois celulares são os primeiros da empresa produzidos no Brasil. Isso foi possível graças à parceria com a brasileira Multilaser. Os aparelhos são fabricados na sede da empresa em Extrema, Minas Gerais.

Os lançamentos poderão ser comprados no site da Nokia, nas plataformas digitais das principais varejistas e no site da Claro. A operadora também disponibilizará os celulares em lojas físicas do Rio de Janeiro.

Tilt já está com o Nokia 5.3 em mãos. Contaremos ao longo do texto as primeiras impressões.

Nokia 5.3: corpo do celular intermediário da HMD Global  - Divulgação - Divulgação
A tela é de 6,5 polegadas e a câmera frontal aparece com um entalhe em formato de gota
Imagem: Divulgação

Segundo a HMD Global, a sua estratégia para o mercado brasileiro é oferecer celulares resistentes, com bons recursos e preços mais acessíveis. Como a fabricação será no país, a tendência é que os preços sejam mais competitivos do que no esquema de importação.

A Nokia já foi líder de vendas de celulares no Brasil. O primeiro lançamento por aqui foi o do Nokia 2.3, um aparelho básico lançado em maio por R$ 899. Sua chegada marcou a volta da empresa finlandesa para o Brasil depois de seis anos longe. Em setembro, a companhia anunciou mais dois celulares básicos —o 2.4 e o 3.4— mas datas de lançamento ou preços não foram informados.

Nokia 5.3: tela e visual

Nokia 5.3 - frente do celular - Tilt - Tilt
Nokia 5.3: frente do celular
Imagem: Tilt

O Nokia 5.3 tem uma tela de 6,5 polegadas (16,6 cm) e proporção de 20:9. Ela ocupa quase toda a frente do celular, mas uma borda mais grossa consta na parte inferior. Para abrigar a câmera frontal, o aparelho traz um entalhe em formato de gota.

Na parte de trás, chama atenção o conjunto de quatro câmeras posicionado em uma estrutura circular, o que não estamos tão acostumados a ver por aí. O padrão costuma ser retangular ou oval— alguém aí também associou esse anel de câmeras a uma fechadura moderna?

A versão que estamos é a cinza e o celular traz um acabamento fosco na parte de trás (como você pode ver na foto abaixo). O aparelho é bem leve e confortável de segurar, mesmo que o seu tamanho não seja lá o dos menores.

Nokia 5.3 - quatro câmeras principais - Bruna Souza Cruz/Tilt - Bruna Souza Cruz/Tilt
Nokia 5.3 na cor cinza
Imagem: Bruna Souza Cruz/Tilt

Segundo a HMD Global, o celular foi desenvolvido para ser resistente. Apesar disso, ele não tem certificações contra poeira e água, por exemplo.

Câmeras do Nokia 5.3

Nokia 5.3 - detalhe das câmeras - Bruna Souza Cruz/Tilt - Bruna Souza Cruz/Tilt
Nokia 5.3: detalhe das quatro câmeras
Imagem: Bruna Souza Cruz/Tilt

O primeiro da série 5 a trabalhar com quatro câmeras, as lentes do Nokia 5.3 se dividem em:

  • Sensor de 13 MP: principal
  • Sensor de 5 MP: ultra grande angular (ângulo de 118º)
  • Sensor de 2 MP: macro (ajuda a tirar fotos de objetos mais próximos)
  • Sensor de 2 MP: profundidade

Um dos destaques vai para o modo noturno, função que promete ajudar na hora de tirar fotos em locais com pouca iluminação. A câmera de selfie é de 8 MP e conta com recurso de inteligência artificial para produzir fotos com o fundo desfocado.

Ainda não foi possível explorar a qualidade das câmeras, mas nos primeiros testes deu para perceber que as fotos tiradas com a lente principal ficam com as cores mais fortes e vibrantes do que as imagens feitas com a lente grande angular. A diferença foi bem nítida.

Processador e bateria

O novo celular Nokia trabalha com o processador Snapdragon 665, lançado pela Qualcomm no início de 2019. Na época o seu foco era permitir funções com inteligência artificial e o suporte a câmeras triplas. Para base de comparação, o Xiaomi Redmi Note 8 e os Moto G8, G8 Plus e G8 Power trabalham com o mesmo processador. O Nokia 5.3 traz ainda 4 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento interno.

Já a bateria é de 4.000 mAh. A promessa da empresa é de que ela dure até dois dias. O aparelho tem uma função chamada "bateria adaptativa" com inteligência artificial, que consegue ajustar o gasto dela conforme o aparelho é usado.

Um fator estratégico dos celulares Nokia é que eles rodam o Android puro. Isso significa poucas interferências da fabricante (com aplicativos em excesso, por exemplo) no sistema operacional dos celulares. O Nokia 5.3 virá com Android 10, mas pronto para receber o Android 11, afirmou a empresa.

Nokia C2

Nokia C2 - lançamento da HMD Global - Reprodução - Reprodução
Visual do Nokia C2
Imagem: Reprodução

Com configurações mais simples, o Nokia C2 tem uma tela de 5,7 polegadas, uma câmera frontal e uma câmera traseira (ambas com resolução de 5 MP). A bateria é de 2.800 mAh.

O celular trabalha com um processador quad-core de 1,3 GHz e 1 GB de memória RAM. Ele roda o Android 9 na edição Go, versão mais leve do sistema operacional.

O Nokia C2 também começa a ser vendido a partir desta quinta nas cores verde e preta.

HMD Connect

Com o lançamento do Nokia 5.3, a empresa anunciou que vai começar a oferecer no Brasil o seu serviço internacional de roaming de dados, o HMD Connect, lançado em maio deste ano.

Com ele, os consumidores só precisam de um único chip de dados móveis para usar durante as suas viagens em mais de 120 países (onde a empresa tem o serviço disponível). Na compra do Nokia 5.3 no site da empresa, o chip com o serviço HMD Connect virá com 100 MB gratuitos.

Ficha técnica: Nokia 5.3

Tela: 6,5 polegadas LCD com resolução HD+ (de 1.600 x 720 pixel)
Sistema operacional: Android 10
Processador: Qualcomm Snapdragon 665
Câmeras: quádrupla principal (13 MP, 5 MP, 2 MP e 2 MP) e frontal simples (8 MP)
Memória: 128 GB de armazenamento e 4 GB de memória RAM
Bateria: 4.000 mAh
Dimensões: 164,28 mm x 76,62 mm x 8,5 mm; peso 180g
Cores: verde ciano e cinza
Preço: R$ 1.899

Ficha técnica: Nokia C2

Tela: 5,7 polegadas HD+
Sistema operacional: Android 9 Pie (versão Go)
Processador: Unisoc Quad Core de 1,4 GHz
Câmeras: simples de 5 MP e frontal de 5 MP
Memória: 16 GB de armazenamento (expansível até 64 GB) e 1 GB de memória RAM
Bateria: 2.800 mAh
Dimensões: 154,8 x 75,59 x 8,85 mm; peso 161g
Cores: verde e preto
Preço: R$ 799