Conteúdo publicado há 1 mês

Quem é o espantalho que assombra Virgílio em 'Mulheres de Areia'?

Na novela "Mulheres de Areia" (Globo), Virgílio (Raul Cortez) é assombrado por um espantalho. Mas quem está por trás da fantasia?

Depois de usar um espantalho para difamar o cargo na prefeitura de Breno (Daniel Dantas), o vilão começou a ser assombrado com visões da criatura. No capítulo de sexta (23), Virgílio deixou Clarita (Susana Vieira) assustada com seu estado ao presenciar a figura.

Nos capítulos finais da trama, o pai de Marcos (Guilherme Fontes) morre de um ataque cardíaco após ser perseguido pelo espantalho. O homem morrerá na fonte luminosa da cidade, sem saber quem está por trás da fantasia.

Tônia (Andréa Beltrão) é a pessoa dentro da fantasia. A moça faz isso para se vingar de Virgílio, que a assediou e foi o responsável pela reabertura da praia poluída, resultando na morte de seu irmão caçula, Reginho (Fabrício Bittar).

Apenas Manoela (Eloísa Mafalda) fica sabendo da verdade. Ela vê a amiga tirar a roupa do espantalho logo após a morte do ricaço. Encurralada, Tônia revela seus motivos para a mulher, que entende e guarda o segredo.

Tônia (Andréa Beltrão) com a fantasia do espantalho em 'Mulheres de Areia'
Tônia (Andréa Beltrão) com a fantasia do espantalho em 'Mulheres de Areia' Imagem: Reprodução/Globoplay

A reprise de "Mulheres de Areia", novela de 1993, escrita por Ivani Ribeiro, vai ao ar de segunda a sexta, às 14h45, na Globo.

Deixe seu comentário

Só para assinantes