Topo
REPORTAGEM

Em novas demissões, bailarina lesionada é desligada do 'Faustão na Band'

Lucas Pasin

Colunista do UOL

23/05/2022 04h00

O time de bailarinas do "Faustão na Band" sofreu dois novos desligamentos na última semana. Conforme noticiou esta coluna no dia 13 de maio, o clima nos bastidores do programa não é dos melhores e uma onda de demissões, que acontecem desde março, tem deixado as dançarinas bastante desanimadas e preocupadas com o futuro. Além disso, muitas reclamam de esgotamento por trabalharem mais de 12 horas por dia.

As bailarinas Carolina Alves e Juliana Acácio foram demitidas pela emissora na última semana. Em conversa com a coluna, elas confirmaram que não fazem mais parte do time de Fausto Silva.

Juliana, inclusive, foi um dos destaques do balé. Ela trabalhava com o apresentador na Globo, e participou do quadro "Dança dos Famosos", em 2018, como professora de Anderson Tomazini.

Ela afirma ter sido desligada após sofrer uma lesão no joelho, resultado, segundo ela, das muitas horas de trabalho:

Como todos viram pelas redes sociais, me machuquei trabalhando, devido à carga de trabalho, assim como já aconteceu com outras. Me machuquei dançando e tive que fazer uma infiltração no joelho. Duas semanas depois fui desligada da Band. Fico chateada com a situação, mas já era esperado. Sou grata pela família Faustão, seja na Globo ou Band.

Juliana, apesar de discordar da demissão após lesões trabalhando, não pretende questionar ou tomar medidas judiciais: "Não faz sentido para mim. Entreguei o que pude para executar o meu trabalho. Foi de certa forma responsabilidade minha. Tinha orientação médica para não forçar."

Carolina Alves também comentou a demissão: "De fato não faço mais parte do balé. Ciclos iniciam e terminam, e está tudo certo. Agora são novos desafios. Estou feliz da vida, na verdade. Amo fases novas."

Procurada pela coluna, a Band não quis comentar as demissões. O espaço segue em aberto.

Onda de demissões e esgotamento:

Das 30 dançarinas que iniciaram com Fausto Silva na Band, em janeiro, nove já foram desligadas.

A coluna apurou que as bailarinas, além de passarem mais de 12 horas nos estúdios da Band, ainda precisavam fazer a tarefa de casa para decorar coreografias. As bailarinas chegaram a ensaiar por vídeo, de madrugada, após gravar durante todo o dia.

Bailarinas já reclamaram sobre a situação de trabalho e o medo com o futuro, mas não foram ouvidas pela direção do programa. Ainda de acordo com a fonte da coluna, as profissionais tentam se manter unidas ao fazer reivindicações, mas sabem que a emissora segue realizando testes para novas dançarinas.

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Em novas demissões, bailarina lesionada é desligada do 'Faustão na Band' - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL


Lucas Pasin