PUBLICIDADE
Topo

Lucas Pasin

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Antes da separação, Karina Bacchi parou de atuar para 'fugir do adultério'

Karina Bacchi viveu Tina em "Da Cor do Pecado", da Globo - Reprodução/Globo
Karina Bacchi viveu Tina em 'Da Cor do Pecado', da Globo Imagem: Reprodução/Globo
Lucas Pasin

Jornalista há 14 anos, Lucas Pasin já experimentou as mais diversas áreas da profissão. Da rotina em redação aos releases de uma assessoria de imprensa, passando pelo marketing digital e comunicação corporativa. Mas, sem dúvida alguma, foi na cobertura do universo dos famosos que encontrou a maior curiosidade, e talvez, por isso, o maior reconhecimento profissional.

Colunista do UOL

20/05/2022 11h49

Karina Bacchi confirmou ontem o fim do casamento de 4 anos com o ex-futebolista Amaury Nunes. A apresentadora chamou de mentirosas algumas especulações de que a separação teria acontecido por fanatismo religioso de sua parte. Suas declarações sobre religião vêm ganhando destaque na mídia há alguns anos. Em 2021, casada ainda com o ex-jogador, ela declarou que deixou a profissão de atriz por sua interpretação do que está escrito na Bíblia sobre adultério.

O assunto foi falado por Karina em uma entrevista com o pastor Rodrigo Silva, no canal "Positivamente Podcast", no Youtube.

Na Bíblia, a gente vê que Deus não se agrada do adultério. Uma atriz casada que vai interpretar uma cena na qual ela vai ter que beijar, abraçar... Aquilo não é considerado adultério? Acho que estaria sendo contra o que a Bíblia diz. Isso é algo que me conflitou demais.

Karina disse que decidiu deixar de atuar por levar em consideração o conteúdo bíblico: "Eu deixei a minha carreira por conta não só da Bíblia, mas também porque eu não me sentia à vontade em estar atuando, mesmo sabendo que aquilo não era eu, era um personagem. Eu deixei de atuar por opção, por escolha, por causa disso".

O primeiro trabalho de Karina Bacchi em uma novela foi em "Vidas Cruzadas" (2000), da Record. Depois disso, ela participou de novelas como "Agora É que São Elas" (2003) e "Da Cor do Pecado" (2004), ambas da Globo. Seu último trabalho na TV foi em "Bake Off Brasil: Celebridades" (SBT), como participante.

Ao confirmar a separação, Karina não quis dar detalhes e explicou: "Sim [confirmo a separação]. Não tenho declarações. Não vou compactuar com as mentiras que estão sendo expostas. Prefiro não difamar a outra pessoa mesmo que possa ter motivos para isso".

O ex-jogador foi procurado pela coluna para comentar a separação, mas não foi encontrado. O espaço segue aberto. Karina e Amaury são pais de Enrico, de 4 anos.