PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Holloway supera Rodríguez e se aproxima de trilogia contra campeão do UFC

Holloway supera Rodríguez e se aproxima de trilogia contra campeão do UFC - Divulgação/UFC
Holloway supera Rodríguez e se aproxima de trilogia contra campeão do UFC Imagem: Divulgação/UFC

Ag. Fight

13/11/2021 21h03

Quando Max Holloway surge no octógono, é garantia de espetáculo de alto nível no UFC. Neste sábado (13), o havaiano, ex-campeão do peso-pena (66 kg) da organização, deu mais uma amostra do seu talento.

No 'main event' da edição 'Vegas 42', que aconteceu em Las Vegas (EUA), 'Blessed' superou Yair Rodríguez por decisão unânime dos juízes, venceu a segunda luta seguida e se aproximou de disputar o titulo da categoria contra Alexander Volkanovski, atual dono do cinturão e rival que conhece muito bem.

A luta

Como não poderia ser diferente, o confronto entre Max Holloway e Yair Rodríguez foi intenso. No primeiro round, os lutadores mostraram toda a agressividade e criatividade que possuem. Só nos primeiros minutos, tivemos um desfile de chutes e socos. Holloway abriu sua caixa de ferramentas no octógono e apostou em pisões e golpes na linha de cintura, enquanto Yair respondia com chutes frontais no rosto do oponente. Os chutes baixos de 'Pantera' também incomodaram 'Blessed', que atacou da mesma forma. O ex-campeão até tentou quedar, mas foi refutado pelo mexicano. Em contrapartida, Yair retribuiu com cruzados e chutes. Quando Holloway deu um chute rodado, 'Pantera' pegou suas costas e partiu para queda, mas não conseguiu. Mesmo assim, permaneceu controlando o adversário na grade.

No segundo assalto, Holloway tentou se aproximar, mas foi acertado por Yair. Na sequência, o havaiano caçou o oponente, acertou diretos e cruzados, porém sem tanto poder. Mais cauteloso, o mexicano diminuiu o ritmo e aplicou um chute rodado, que passou longe de 'Blessed'. Crescendo no combate, o ex-campeão alternou socos no rosto e na linha de cintura do rival e acertou um golpe limpo no rosto do mesmo. Até o final do round, Holloway permaneceu perseguindo o adversário e atacando o alvo junto à grade.

Na terceira parcial, Holloway colocou pressão, ameaçou quedar, mas optou por dar uma joelhada em Yair. Apesar de 'Blessed' se mostrar melhor com as mãos, 'Pantera' também apostou no boxe e acertou bons socos. Contudo, em um desequilíbrio do mexicano, o havaiano foi para a montada, depois para as costas do oponente, e desferiu socos e cotoveladas. Após o susto, Yair atacou, quedou Holloway, mas não conseguiu manter o adversário no solo. Na sequência, foi a vez do ex-campeão derrubar o rival e, novamente, castigá-lo no chão.

No quarto round, Holloway voltou a tentar a queda, mas Yair não caiu na armadilha. Em possível desvantagem no placar, o mexicano buscou ser mais ativo, porém, rapidamente, se perdeu no octógono e quase acabou finalizado. No solo, 'Blessed' caiu por cima e ficou golpeando. É bem verdade que 'Pantera' deu um bote na perna do rival, mas este se defendeu e seguiu dominando as ações. De volta à trocação, os lutadores não deixaram o ritmo cair, até o ex-campeão acertar uma dedada involuntária no olho de Yair. Quando Holloway armou uma joelhada, recebeu de encontro um direto do mexicano. Nos últimos trinta segundos, 'Pantera' tentou surpreender com uma cotovelada e 'Blessed' com um chute rodado, porém pouco efetivos.

No quinto e último assalto, Yair acelerou o ritmo e acertou chutes e socos em Holloway, que respondeu e o assustou com uma joelhada na linha de cintura. Com o adversário mais danificado e na grade, o havaiano optou por dar pisões, jabs e diretos para controlá-lo. Incansável e atento aos movimentos de 'Pantera', o ex-campeão ignorou a tentativa de um golpe inusitado do oponente, porém perdeu o foco por um momento e teve que se defender da tentativa de finalização do mexicano. Nos últimos segundos de batalha, os atletas ficaram travados no clinch até o árbitro encerrar a peleja. Ao final de 25 minutos de guerra, Holloway foi declarado o vencedor por decisão unânime, comemorou e aproveitou para enaltecer a garra de Yair, que não atuava há dois anos e valorizou seu triunfo.

Confira abaixo os resultados do UFC Vegas 42:

Max Holloway venceu Yair Rodríguez por decisão unânime;
Marcos 'Pezão' nocauteou Ben Rothwell no 1º round;
Felicia Spencer nocauteou Leah Letson no 3º round;
Khaos Williams nocauteou Miguel Baeza no 3º round;
Song Yadong nocauteou Julio Arce no 2º round;
Joel Álvarez nocauteou Thiago Moisés no 1º round;
Andrea Lee venceu Cynthia Calvillo por interrupção médica no 2º round;
Sean Woodson nocauteou Collin Anglin no 1º round;
Cortney Casey venceu Liana Jojua por decisão unânime;
Rafael Alves finalizou Marc Diakiese no 1º round;
Da Un Jung nocauteou Kennedy Nzechukwu no 1º round.

MMA