PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Sem revanche com Fedor, Werdum assina com o PFL por prêmio milionário

Fabricio Werdum assinou com o PFL após deixar o UFC - Jeff Bottari/Zuffa LLC
Fabricio Werdum assinou com o PFL após deixar o UFC Imagem: Jeff Bottari/Zuffa LLC

Ag. Fight

Ag. Fight

16/11/2020 15h12

Depois de alguns meses de negociação após deixar o UFC, Fabrício Werdum escolheu sua nova casa no MMA. No entanto, ao contrário da expectativa dos fãs, não será desta vez que veremos o peso-pesado gaúcho fazer a revanche com o russo Fedor Emelianenko.

Através das redes sociais do 'PFL', a liga anunciou a contratação do veterano de 43 anos, que na temporada 2021 entra na disputa pelo prêmio de um milhão de dólares (cerca de R$ 5,4 milhões) no torneio de sua categoria - ainda sem data definida para o início.

"Talvez este ano, em 2021, eu lute quatro ou cinco vezes. É o meu sonho. No passado, às vezes, lutei uma ou duas vezes por ano. Quero aproveitar o momento porque é muito difícil para nós a hora de parar. Imagine, toda minha vida lutando e, um dia, tenho que parar. Com certeza, sei disso, talvez mais dois anos. Mas imagine eu ser campeão da PFL aos 44 anos. Eu sei que posso", narrou o gaúcho em entrevista ao site da 'ESPN" americana.

Ex-campeão mundial de jiu-jitsu, do ADCC e do UFC, Werdum acumula cartel com 24 vitórias e nove derrotas no MMA. Em sua última apresentação, o gaúcho finalizou Alexander Gustafsson no primeiro assalto, em duelo que marcou sua despedida do octógono mais famoso do mundo.

Desde então, o atleta negociava com outras organizações, em especial com o Bellator, evento no qual poderia realizar a sonhada e aguardada revanche com Fedor Emelianenko. Anos antes, em 2010, Werdum finalizou o atleta russo e interrompeu sua invencibilidade no esporte que durava dez anos.

MMA