PUBLICIDADE
Topo

MMA


Jon Jones abre portas para encarar Stipe Miocic após duelo contra Reyes

Jon Jones com o cinturão do UFC - Stephen R. Sylvanie-USA TODAY Sports
Jon Jones com o cinturão do UFC Imagem: Stephen R. Sylvanie-USA TODAY Sports

Ag. Fight

04/02/2020 14h13

Campeão dos meio-pesados (93 kg) do Ultimate, Jon Jones sempre teve seu nome especulado em uma subida para a categoria dos pesados da organização. Com o biotipo de lutador dessa divisão, o americano se esquivou dessa chance, a colocando em uma decisão para ser tomada no futuro. Nesta semana, que antecede o UFC 247, quando defende o título contra Dominick Reyes, o americano não descartou migrar de divisão ainda em 2020.

Em entrevista ao site 'MMA Fighting', 'Bones' admitiu que não vai poder fugir por muito tempo de finalmente subir de categoria, principalmente se mantiver seu cinturão dos meio-pesados mais uma vez. Motivado por novos desafios na carreira, o americano não descartou já encarar Stipe Miocic, atual campeão dos pesados, no seu próximo compromisso.

"É definitivamente uma possibilidade. Uma coisa que eu tenho certeza: subir ao peso-pesado me inspiraria em um nível diferente, pois haveria tantos elementos com os quais eu não estou familiarizado. Ganhando peso, permanecendo magro e forte. Principalmente o ganho de peso e a compreensão de como vou me sair e como vou passar para a divisão de peso mais alta (...) Existem muitos fatores com os quais não estou familiarizado que provavelmente me motivariam a insistir", disse o americano.

Apesar de manter os pés no chão sobre essa transição, principalmente sobre subir de peso sem atrapalhar seu rendimento, Jon Jones destacou que sempre enfrentou pesos-pesados na academia. O americano também recordou que já praticou com seu irmão, Arthur Jones, astro da NFL (liga de futebol americano).

"Encarei pesos-pesados a vida toda. Meu irmão é um dos melhores pesos-pesados da história do wrestling do estado de Nova York. Eu lutei com ele todos os dias no Ensino Médio. Eu tenho sido chutado pelo meu irmão mais velho a vida toda. Eu costumava treinar com Travis Browne, Andrei Arlovski e tantos grandes pesos-pesados por anos. Eu vou muito confortável contra caras que são maiores e mais fortes que eu", completou.

Neste sábado (8), Jon Jones defende o cinturão dos meio-pesados contra Dominick Reyes, na luta principal do UFC 247. Na organização desde 2008, o americano tem 19 vitórias, uma derrota (por desclassificação, após golpe ilegal) e um 'No Contest' (luta sem resultado).

MMA