PUBLICIDADE
Topo

MMA


UFC 246: Promessa russa mantém invencibilidade e se aproxima do cinturão

Askar Askarov acerta Tim Elliot no UFC 246 - Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images
Askar Askarov acerta Tim Elliot no UFC 246 Imagem: Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

18/01/2020 23h34Atualizada em 19/01/2020 16h50

Realizado ontem, no ginásio T-Mobile Arena, em, Las Vegas (EUA), o card preliminar do UFC 246 não contou com grandes estrelas, mas nem por isso deixou de garantir a atenção dos quase 20 mil torcedores presentes nas arquibancadas. E um dos grandes exemplos foi o embate entre o veterano Tim Elliott e o promissor Askar Askarov.

Experiente e agressivo, o americano partiu para cima o tempo todo, mas esbarrou em um complexo jogo estratégico do russo, que por vezes chegou a fugir da luta franca para apostar na contundência e precisão de seus ataques. E com isso em mente, Askarov liderou a pontuação nas papeletas, embora não tenha conquistado.

Mesmo assim, Elliott, ex-desafiante ao cinturão dos pesos-moscas (57 kg), chegou a colocar em risco a invencibilidade do russo com seus sucessivos ataques. No primeiro round, por exemplo, uma blitz chegou a colocar Askarov de costas na grade, deixando o público de pé.

Aos 27 anos, o atleta russo agora acumula cartel com 11 vitórias e um empate como profissional. Atual número 12 do ranking oficial dos moscas, Askarov deve subir importantes posições na lista e passar a figurar como um dos possíveis próximos nomes na fila pelo cinturão.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do informado, Askarov não possui derrotas como profissional, e sim um empate. A informação já foi corrigida.

MMA