PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Viviane Araújo começa melhor, mas é superada por Jéssica Eye no UFC 245

A americana Jessica Eye acerta chute na brasileira Viviane Araújo durante luta no card preliminar do UFC 245 - Stephen R. Sylvanie/USA TODAY Sports
A americana Jessica Eye acerta chute na brasileira Viviane Araújo durante luta no card preliminar do UFC 245 Imagem: Stephen R. Sylvanie/USA TODAY Sports

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

14/12/2019 21h10

Realizado neste sábado (14) no ginásio T-Mobile Arena, em Las Vegas (EUA), o card preliminar do UFC 245 contou com a promissora Viviane Araújo em ação logo na segunda luta da noite. E diante dela, nada menos do que Jessica Eye, número dois do ranking dos pesos-moscas (57 kg) que disputou o título contra Valentina Shevchenko em junho passado. E apesar da disposição da brasileira, a experiência e volume de golpes pesou a favor da americana.

Apesar de ter falhado na balança em mais de 2 kg, Jessica anotou seu quarto triunfo em cinco apresentações na nova categoria. Fato que, aos 33 anos, lhe proporciona uma extensão de sua carreira. Afinal, ainda como peso-galo (61 kg), Jéssica chegou a anotar quatro tropeços seguidos e ser ameaçada de demissão do UFC.

A luta

Em duelo equilibrado na primeira etapa, o round inicial ficou marcado pelos golpes de encontro aplicados pela americana, que se antecipou à movimentação de Vivi e conectou diversos jabs e diretos enquanto sua oponente se aproximava. No entanto, uma queda e os momentos de ação no ground and pound garantiram ligeira vantagem e a virada para a brasileira: 10 x 9.

No segundo assalto, Viviane voltou a atuar como caçadora e a dominar o centro do octógono. No entanto, ela voltou a cometer erros de aproximação, que foram capitalizados pela experiente Jessica. Entre jabs e diretos que a incomodavam no momentos de ataque, a brasileira chegou a quedar a rival, mas não a manteve de costas no chão o suficiente para abrir vantagem. Desta forma, placar empatado: 19 x 19.

Com todas as fichas na mesma, as atletas usaram os últimos cinco minutos com mais cautela. E entre os ataques diretos e singulares da brasileira e o volume de golpes da americana, os juízes apontaram vantagem de Jessica (29 x 28), que assim garantiu a vitória e manteve sua posição de destaque no ranking inabalada.

Confira os resultados finais do UFC 245:

MMA