PUBLICIDADE
Topo

Yndiara Asp e Dora Varella se classificam para final do skate park

Yndiara Asp, do Brasil, durante classificatórias do skate park nas Olimpíadas - REUTERS/Lisi Niesner
Yndiara Asp, do Brasil, durante classificatórias do skate park nas Olimpíadas Imagem: REUTERS/Lisi Niesner

Felipe Pereira

Do UOL, em São Paulo

03/08/2021 23h32

O Brasil terá duas representantes na final do skate park nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Em classificatória realizada na noite desta terça-feira, do Brasil, Yndiara Asp e Dora Varella ficaram entre as oito primeiras da eliminatória e brigarão por medalha a partir da 00h30 (de Brasília).

Sétima colocada no geral, Yndiara Asp foi a melhor brasileira das classificatórias, com 43.23. Dora Varella foi a oitava, com 41.59, e Isadora Pacheco a décima, com 37.08.

Primeira brasileira a cair na pista, Dora Varella foi a segunda melhor de seu grupo, com 41.59. A melhor nota da skatista veio em sua segunda volta. As outras notas de Dora foram 31.53 e 13.68. Com 45.98, a japonesa Sakura Yosozumi liderou a primeira bateria.

Assim como Dora, Yndiara Asp foi a segunda melhor de sua bateria. No terceiro grupo, ela conseguiu 43.23 logo em sua primeira volta. As outras notas de Yndiara foram 6.64 e 21.84. A líder da bateria foi a britânica Sky Brown, com 57.40.

"Tem manobras que ainda não mandei. Espero que dê tudo certo e consiga fazer na final. Duas coisas que estou impressionada é o calor e o povo japonês, pessoal muito legal. O calor, nossa senhora. Depois que anda precisa colocar gelo, se refrescar", disse Yndiara.

Isadora Pacheco foi a última brasileira a se apresentar, e marcou 37.01 em sua melhor volta. O resultado, porém, não foi suficiente para classificar a skatista para a final. Ela se emocionou após o fim da prova e correu para falar com seus pais pelo telefone.

"Eu estou chorando de alívio. Acabou isso tudo. Só eu sei o quanto eu me esforcei pra estar aqui, foram 3 anos batalhando duro. Estou muito feliz, consegui fazer minhas 2 voltas, terminei já fui falar com a família, já emocionou, mas estou muito feliz. Consegui fazer o que eu queria, infelizmente não rolou a final mas tem muitas pela frente, foi muito lindo ver essa estreia, tem mais a final, Yndi, Dora vão me representar, está tudo certo", concluiu Isadora.

A líder da classificação geral foi a japonesa Misugu Okamoto, com 58.51, seguida por Sky Brown (ING), com 52.46, e Kokona Hiraki (JAP), com 52.46.