PUBLICIDADE
Topo

Clube dos Emirados Árabes prepara oferta de R$ 36 milhões por Scarpa

Gustavo Scarpa treina separado do elenco de Luxemburgo no Palmeiras - Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Gustavo Scarpa treina separado do elenco de Luxemburgo no Palmeiras Imagem: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

12/07/2020 12h40

O Palmeiras receberá em breve uma proposta que pode chegar a 6 milhões de euros (R$ 36,3 milhões) por Gustavo Scarpa. O Al-Nasr, dos Emirados Árabes Unidos, conclui os últimos detalhes da oferta para pagar 1,5 milhão de euros (R$ 9 milhões) para levar o meia por empréstimo de um ano, fixando um valor de 5 milhões de euros (R$ 27,3 milhões) de compra caso queira adquirir o jogador em definitivo depois dessa primeira temporada.

O camisa 14 tem contrato com o Palmeiras até 31 de dezembro de 2022, mas não vem atuando com frequência sob o comando do técnico Vanderlei Luxemburgo. Nesta temporada, foram somente três partidas, balançando as redes uma vez, convertendo pênalti para abrir o placar da vitória por 4 a 0 sobre o Oeste, no Pacaembu, em 29 de janeiro, pelo Campeonato Paulista.

O Verdão não descarta negociar o meia e, diante da crise econômica causada pela pandemia do coronavírus, considera interessantes os valores que o Al-Nasr prepara para levar o jogador. Além da questão financeira, leva-se em conta o fato de Gustavo Scarpa não estar entre os mais utilizados pelo treinador. O próprio meia já se mostrou disposto a conversar sobre sair.

No final de dezembro, o Almería, clube da segunda divisão espanhola, fez uma oferta por Scarpa de 7 milhões de euros (R$ 32,4 milhões, na época), mais a participação em 30% do lucro de uma futura venda ao Palmeiras. O Verdão fez uma contraproposta, mas ouviu como resposta que as negociações estavam interrompidas porque quebrariam o acordo de Fair Play financeiro do país.

Assim, Gustavo Scarpa apenas se prejudicou com a sua novela. Ele viajou aos Estados Unidos apenas para treinar durante a Florida Cup, na pré-temporada, ficando fora de algumas atividades. Ao menos, o fim das tratativas ocorreu a tempo de ele ser inscrito na primeira rodada do Campeonato Paulista, mas tanto o meia como a comissão técnica admitiram que o jogador perdeu a chance de estar no mesmo ritmo dos colegas, e o camisa 14 pouco teve chance.

Palmeiras