PUBLICIDADE
Topo

Futebol

River Plate tem 15 casos de covid na véspera de clássico com Boca Juniors

Montiel, do River Plate, cobra pênalti e abre o placar contra o Fluminense na Copa Libertadores - Twitter Conmebol
Montiel, do River Plate, cobra pênalti e abre o placar contra o Fluminense na Copa Libertadores Imagem: Twitter Conmebol

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

15/05/2021 22h55

Classificação e Jogos

Hoje, véspera do clássico contra o Boca Juniors, pelas quartas de final da Copa da Liga Profissional da Argentina, o River Plate comunicou que 15 jogadores foram diagnosticados com covid-19. O alto número de casos fez com que o clube suspendesse a concentração antes da partida.

Inicialmente, o River divulgou que cinco atletas haviam contraído o vírus. Após os diagnósticos positivos, os Millonarios resolveram realizar outra rodada de testes em todo o elenco. Em comunicado oficial, foi anunciado que outros dez jogadores também testaram positivo para o novo coronavírus.

Os atletas diagnosticados com covid-19 foram: os goleiros Franco Armani, Enrique Bologna, Germán Lux e Franco Petroli, os defensores Paulo Díaz e Robert Rojas, os meias Agustín Palavecino, De La Cruz, Zuculini e Tomás Castro Ponce e os atacantes Rafael Borré, Santiago Simón, Benjamín Rollheiser, Matías Suarez e Federico Girotti.

Como os jogadores terão que cumprir período de 15 dias de isolamento, é provável que o River Plate também tenha desfalques diante do Santa Fe, da Colômbia, na quarta-feira, e contra o Fluminense, no dia 25. Ambos os duelos serão válidos pela fase de grupos da Copa Libertadores da América.

Boca Juniors e River Plate se enfrentam neste domingo, às 17h30 (de Brasília), em La Bombonera. Quem vencer avança às semifinais da Copa da Liga Profissional da Argentina.

Futebol