Itália marca no final, vence Argentina e se junta à Suécia na liderança

Com gol no final, a Itália venceu a Argentina por 1 a 0 na estreia na Copa do Mundo Feminina.

O gol da vitória foi marcado por Girelli, aos 42 minutos do segundo tempo.

Com a vitória, a Itália assume a liderança do Grupo G, com os mesmos três pontos da Suécia - que venceu a África do Sul na primeira rodada.

A Itália ainda não perdeu sua primeira partida em Copas. Contando com o triunfo de hoje, são três vitórias e um empate.

Já a Argentina segue sem uma única vitória na história da competição. Com dois empates e oito derrotas em dez jogos, é o time que nunca venceu com mais partidas disputadas.

Como foi o jogo

A partida foi dominada pela Itália durante os dois tempos.

Giacinti ainda teve dois gols anulados na primeira etapa por impedimento, enquanto Boattin se destacou pela esquerda, criando boas oportunidades de gol para a Azzurra.

As alterações feitas pela treinadora Milene Bertolini surtiram efeito, culminando no gol da vitória.

Continua após a publicidade

No final do jogo, a Argentina pressionou em busca do empate, mas a goleira Durante defendeu uma cobrança de falta de Banini e garantiu o resultado para a Itália.

Gol

1x0: Girelli subiu mais alto que a defesa argentina e cabeceou por cobertura, garantindo a vitória para a Itália.

FICHA TÉCNICA

Itália 1 x 0 Argentina

Competição: 1ª rodada do Grupo G da Copa do Mundo Feminina

Continua após a publicidade

Local: Estádio Eden Park - Auckland, Nova Zelândia

Público: 30.889 pessoas

Data e horário: 24 de julho de 2023, às 3h (horário de Brasília)

Árbitro: Melissa Borjas (HON)

Cartões amarelos: Caruso e Bonansea [Itália]; Larroquette, Mayorga, Buonsegundo e Stabile [Argentina]

Gol: Cristiana Girelli (aos 42 minutos do primeiro tempo)

Continua após a publicidade

ITÁLIA: Durante; Di Guglielmo, Linari, Salvai e Boattin; Giugliano, Bonansea, Dragoni (Girelli), Caruso (Greggi) e Beccari; Giacinti (Cantore). Técnico: Milena Bertolini.

ARGENTINA: Correa; Cometti, Braun, Mayorga e Stabile; Falfan (Ippolito), Nunez (Rodríguez), Banini e Benitez; Bonsegundo e Larroquette (Gramaglia). Técnico: German Portanova.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora