PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Juca Kfouri: Jogos de Galo e Flamengo criam expectativa como City e Bayern

Do UOL, em São Paulo

17/09/2021 15h59

Classificação e Jogos

Atlético-MG e Flamengo contam com os dois elencos mais estrelados do futebol brasileiro atual e podem disputar até três títulos entre eles na temporada, já que estão em chaves opostas nas semifinais da Copa do Brasil e da Libertadores, além da possibilidade de disputa no Brasileirão, no qual o clube rubro-negro pode ficar a apenas dois pontos do Galo caso vença suas duas partidas. Para Juca Kfouri, não há dúvida que os dois são os times do momento no país e seus jogos criam expectativa pelo que apresentam em campo.

No podcast Posse de Bola #161, Juca afirma que aguarda os jogos dos dois times com grande expectativa, embora ainda considere que o time atleticano está um pouco abaixo do atual bicampeão brasileiro em alguns aspectos, enquanto ainda trabalha pelo entrosamento de Diego Costa e Hulk no ataque.

"Sem dúvida nenhuma os dois grandes times brasileiros do momento, eu digo isso com a alegria de quem olha para os dois e olha para a expectativa dos jogos dos dois com a mesma expectativa que olha para os jogos do Manchester City, do Liverpool, do Bayern de Munique, então é legal a gente olhar aqui no Brasil e dizer 'oba, hoje tem Flamengo', 'oba, hoje tem Atlético-MG', "'oba, hoje tem Fortaleza', que eu não ponho no mesmo nível, mas acho que é legal a gente ter times brasileiros que despertem essa expectativa", afirma Juca.

"O Galo eu acho que não está ainda no nível do Flamengo, mas na hora em que essa dupla que eu estou chamando de Hulkosta, der certo, se entrosar, vai ser muito páreo, porque realmente, eu fico pensando um treinador que diga 'amanhã eu vou enfrentar essa dupla, aquelas duas massas físicas, o que eu faço, o que eu peço para os meus zagueiros?'. Não tem muito jeito de parar esses dois", completa.

O jornalista também comenta a remarcação de jogos do Flamengo pela CBF e acredita que a entidade fará tudo o que puder para atrapalhar o clube da Gávea depois da intervenção que chegou a colocar Rodolfo Landim na presidência junto a Reinaldo Carneiro Bastos, presidente da Federação Paulista de Futebol, em meio a todo o episódio envolvendo Rogério Caboclo.

"Evidentemente, é um absurdo, o Flamengo vai ter em cinco dias, entre o dia 30 de outubro e o dia 5 de novembro, vai jogar com os três Atléticos, é uma coisa impressionante, joga com o Atlético-MG no dia 30, com o Athletico-PR no dia 2 e com o Atlético-GO no dia 5. O torcedor rubro-negro vai ficar enfarado de Atléticos, vai ter uma indigestão de Atléticos pela frente", diz Juca.

"Agora, isto tem também o peso da antipatia, da arrogância e da estultice do senhor Landim, não apenas ao contrariar a dona CBF com esta coisa dos jogos com público, como ao se sentar na cadeira do presidente naquela intervenção absolutamente ridícula feita pela Justiça, que o levou junto com o Reinaldo, presidente da Federação Paulista, à presidência interina da CBF. Vai pagar esse preço, o que a CBF puder fazer para prejudicar o Flamengo, fará!", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol