PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras

Carnaval verde: a aglomeração palmeirense em torno do Allianz após título

Yago Rudá

Colaboração para o UOL, em São Paulo

30/01/2021 20h46

Impossibilitados de acompanhar o bicampeonato do Palmeiras na Libertadores da América, conquistado hoje (30), contra o Santos, no Maracanã, milhares de torcedores palmeirenses se reuniram nos arredores do Allianz Parque para comemorar o título continental.

Ao longo da festa com sinalizadores, bandeirões e cânticos exaltando a conquista da Libertadores, os torcedores interditaram as ruas Palestra Itália, Caraíbas, Diana e Venâncio Aires, além das avenidas Francisco Matarazzo e Sumaré, na zona oeste da capital paulista. A Polícia Militar fechou os acessos nos arredores do estádio, mas foi impossível evitar a aglomeração.

A esmagadora maioria dos torcedores desrespeitou a orientação do uso de máscaras ou de qualquer outro tipo de proteção no combate à pandemia do covid-19 — responsável pela morte de mais de 52.900 pessoas apenas na cidade de São Paulo.

Embora o Estado esteja na fase vermelha do plano de contenção ao vírus, o que implica na abertura aos fins de semana de apenas comércios de serviços essenciais, como supermercados e farmácias, os bares abertos e comercializando bebidas na porta.

Palmeirenses mais exaltados gritavam 'Chupa, Dória', em alusão ao governador de São Paulo, torcedor do Santos e principal responsável pelo plano de contenção na pandemia.

Veja o gol do título do Palmeiras, marcado por Breno Lopes

Palmeiras