PUBLICIDADE
Topo

Barcelona

Como técnico do Barcelona mudou o time para depender menos de Lionel Messi

Argentino atuou mais centralizado no ataque em primeiro jogo do Barcelona na temporada 20/21 do Espanhol - David Ramos/Getty Images
Argentino atuou mais centralizado no ataque em primeiro jogo do Barcelona na temporada 20/21 do Espanhol Imagem: David Ramos/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

28/09/2020 09h04

Classificação e Jogos

A estreia do Barcelona no Campeonato Espanhol, que aconteceu ontem no Camp Nou, acabou em goleada de 4 a 0 no Villarreal, no 1° jogo "oficial" sob comando de Ronald Koeman.

O jornal Mundo Deportivo citou algumas mudanças táticas feitas pelo holandês no "novo Barcelona". Além da pressão alta e rápida circulação, a alteração mais significativa, segundo o veículo, envolveu a função de Lionel Messi - que balançou as redes uma vez em cobrança de pênalti.

Historicamente um articulador de jogadas ofensivas do Barça, o argentino foi utilizado como referência no ataque e passou a ter menos responsabilidade de iniciar os lances de ataque da equipe.

O objetivo da iniciativa é, ainda de acordo com o jornal, amenizar o desgaste de Messi, de 33 anos, durante as partidas. O craque deu 54 passes no duelo, número menor que o de De Jong (74), Alba (73), Piqué (69) e Busquets (60).

Diante deste cenário, o torcedor deve ver menos vezes Messi entre as linhas de meio-campo do adversário. "A bola não é mais exclusiva de Messi", pontuou o Mundo Deportivo ao abordar a mudança de Koeman.

Barcelona