PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

SPFC: 'Jeito de jogar foi muito prejudicado pela paralisação', diz Pedrinho

Juanfran, do São Paulo, tenta desmarcar o jogador do Red Bull Bragantino - Divulgação/Federação Paulista
Juanfran, do São Paulo, tenta desmarcar o jogador do Red Bull Bragantino Imagem: Divulgação/Federação Paulista

Colaboração para o UOL, em São Paulo

23/07/2020 23h12

Após a derrota do São Paulo para o Bragantino por 3 a 2, hoje, Pedrinho afirmou que o estilo de jogo da equipe da capital paulista foi bastante prejudicado pela paralisação do futebol por conta da pandemia do Coronavírus. O comentarista do Grupo Globo acredita que a equipe precisa de um preparo físico em dia para executar melhor a estratégia de Fernando Diniz.

"O jeito do São Paulo jogar é muito prejudicado pela paralisação. Porque o São Paulo eleva o nível de intensidade. A equipe joga praticamente com todos os jogadores no campo de adversário. É um time que perde a bola e pressiona rapidamente para recuperar a bola. Se não recupera, fica exposto na defesa. Como o time está mal fisicamente, essa ideia de jogo sofre", disse o comentarista em participação no Troca de Passes, do SporTV, hoje.

Pedrinho ainda defendeu a ideia de jogo de Fernando Diniz, criticando quem mede o trabalho do treinador são-paulino pelo número de títulos.

"Aqui no Brasil, as pessoas credenciam as outras pelos títulos. Se você foi campeão, você é credenciado. Eu não trabalho assim. Meus comentários são sobre ideias. E eu adoro a ideia de jogo do Fernando Diniz. Porque eu não acredito em estabilidade. Nem na vida e nem no futebol. Muitos treinadores são conservadores: preferem arriscar menos no ataque e correr menos riscos defensivamente. E são sempre aquilo ali" argumentou Pedrinho.

"Você vê alguma equipe jogando tão diferente? Eu não vejo. Só o time do Fernando Diniz, do Jorge Jesus, do Sampaoli. São os caras ousados. O Fernando Diniz precisa de ajustes. Agora, eu não vou credenciar baseado em resultados. O Fernando Diniz cria 30 chances por jogo, seis claras e, às vezes, perde para times que jogam por uma bola. Mas quem teve mais chance de ganhar o jogo?", completou o ex-jogador.

No próximo domingo, o São Paulo encerra sua participação na primeira fase do Paulistão como visitante, diante do Guarani, na Vila Belmiro, às 16h. O time tricolor busca garantir a primeira colocação do Grupo C - que lidera com 18 pontos, um a mais que o Mirassol.

UOL Esporte vê TV