PUBLICIDADE
Topo

Com ou sem Jesus: analistas do UOL veem Fla super favorito no Brasileiro

Do UOL, em São Paulo

16/07/2020 04h00

Classificação e Jogos

O Flamengo confirmou o favoritismo e conquistou o Campeonato Carioca 2020. Ainda que tenha sofrido mais que o esperado, o Rubro-negro venceu o Fluminense duas vezes na decisão (2 a 1 e 1 a 0, ontem), e chegou ao seu 36º título estadual.

O troféu foi o quinto sob o comando do técnico Jorge Jesus. Ele já havia conquistado a Libertadores, o Brasileiro, a Recopa e a Supercopa do Brasil. O técnico português, que segue com futuro indefinido em função do interesse do Benfica (POR), foi assunto da live pós-jogo do UOL Esporte (assista acima).

Na visão do jornalista do UOL Pedro Ivo Almeida, uma possível permanência do comandante na Gávea deixa o Fla com amplo favoritismo para o bi nacional. O Brasileiro tem previsão de retorno em agosto.

"Com a coisa se normalizando, o time voltando aos eixos, esse Flamengo é muito favorito para o Campeonato Brasileiro. O Jesus vai sair? Não sei. O time está abalado? Faltam três semanas para o Brasileiro. O time de agora tem até mais ritmo de jogo. Com esse elenco, e Jesus mantido, é o grande favorito", destacou.

Em relação ao título garantido na noite da última quarta-feira, o jornalista entende que a conquista ratifica a boa fase rubro-negra.

"[O título] Evita o risco de qualquer tipo de vexame. Acho que o mais importante é espantar esse risco, no momento que o Flamengo vinha sendo pressionando. Então dá uma resposta. Um chute mascado do Vitinho, mas confirma o título. É mais um que confirma a boa fase do Flamengo, independentemente desse momento conturbado, instável. O Flamengo consegue ratificar que é a principal força, força absoluta do futebol carioca", afirmou.

O blogueiro Rodrigo Mattos seguiu com linha parecida ao analisar o futuro do Fla. Para ele, a equipe é o principal nome do Brasileirão tendo ou não Jorge Jesus.

"Antes da pandemia, o Flamengo era melhor em 2020 do que era em 2019. Ele já tinha evoluído na mão do Jesus e tinha um banco de reservas melhor. Então, ficando o Jesus, acho que é favorito destacado. Ainda assim, se ele sair, continua sendo o time mais forte que tem no Brasil. Vamos ter que ver o técnico que vão trazer [caso ele saia]. Mesmo se trouxer um técnico que seja inferior ao Jesus, mas tenha essa característica de jogar para frente, de forma intensa, segue favorito."

O colunista Renato Maurício Prado ressaltou o fato de o Flamengo ter sido campeão mesmo jogando abaixo do esperado. Ele destacou que times vencedores costumam ter a característica de ganhar taças ainda que atue de forma instável.

"Time bom tem uma característica. Ganha título até jogando mal. Foi o que aconteceu hoje. E mesmo assim foi campeão. O Jesus ficando, as coisas vão se encaixar. E aí acho que vai se manter o favoritismo [no Brasileiro]", concluiu.

Flamengo