PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Edílson Capetinha e F. Fernandes batem boca ao vivo: 'Sabe como faz gol?'

Colaboração para o UOL, em São Paulo

13/03/2020 14h43

A pancadaria no final do empate entre Grêmio e Internacional, pela fase de grupos da Libertadores, esquentou o Os Donos da Bola desta sexta-feira. Revendo as cenas da confusão no fim do segundo tempo, os comentaristas Edílson Capetinha e Fernando Fernandes se desentenderam, obrigando o apresentador Neto a chamar o intervalo.

Discordando tanto em relação à qualidade do primeiro Gre-Nal da história da Libertadores, quanto do posicionamento das diretorias de ambos os clubes, a dupla bateu boca após o ex-jogador afirmar que o jornalista, por nunca ter jogado, não entende o 'sangue quente' dentro de campo.

"A gente estar comentando aqui é fácil, Fernandinho. Com o sangue quente lá dentro... Você nunca jogou, você nunca entrou em campo, você não sabe", soltou o Capetinha.

"Eu tenho mais de beirada de campo do que você de profissional. Eu tenho 35 anos de beira de campo. Não fala isso", retrucou Fernandinho.

"Você tem 35 anos de beira de campo, mas, dentro de campo, você não tem um minuto. Você não sabe o que acontece lá dentro", insistiu o ex-jogador.

"Eu não ter jogado bola não quer dizer que eu não sei o que acontece", reiterou o jornalista.

"Você sabe comentar, mas não sabe o que acontece lá dentro", seguiu Edílson.

"Não, eu sei o que acontece lá dentro porque eu convivi o tempo inteiro", discordou Fernandes.

"Você jogou? Você entrou em campo para saber?", questionou o ídolo do Corinthians.

"Não entrei em campo, mas eu vi muito mais a vida de vocês", respondeu Fernando.

"Você sabe como faz gol?", perguntou o Capetinha.

"Eu sei jogar bola, só não fui profissional. Isso não quer dizer que eu não conheça futebol. (...) Se eu for agir da mesma maneira que você, eu ia dizer que você não poderia estar aqui", falou o jornalista.

"Eu estou comentando o que eu sei", observou o ex-jogador.

"Eu também sei", completou Fernandes.

"Vamos para o intervalo! Vai para o intervalo! Tô pedindo para parar, pô!", gritou Neto, tentando interromper a discussão.

"Desculpe, mas não vem falar que eu não conheço futebol", falou o jornalista, reiniciando a discussão.

Sem conseguir colocar um ponto final na discussão da dupla, Neto voltou a chamar o intervalo, dessa vez, sendo atendido.

UOL Esporte vê TV