PUBLICIDADE
Topo

Artilheiro de tudo, Gabigol decide e pode custar mais de R$ 100 mi ao Fla

Assista aos melhores momentos de Flamengo 5x0 Grêmio

Gols da Libertadores

Do UOL, no Rio de Janeiro

23/10/2019 23h23Atualizada em 24/10/2019 09h52

Artilheiro do Campeonato Brasileiro. Agora também da Libertadores. Talvez, o maior destaque do Flamengo na temporada. Quanto vale tudo isso? Gabigol pode custar nada menos que R$ 100 milhões aos cofres do Rubro-Negro, caso seja desejo da diretoria permanecer com o camisa 9 no elenco. Na noite de hoje (23), com dois gols contra o Grêmio numa vitória demolidora, o atacante foi novamente decisivo para levar a equipe à final da competição sul-americana. Com um desempenho desses, vai ser difícil não assinar o cheque.

Contratado por empréstimo junto à Inter de Milão, da Itália, o vínculo de Gabigol com o Flamengo tem duração prevista apenas até o final do ano. Para manter o jogador para a próxima temporada, a diretoria já abriu negociações com o clube italiano e acredita ter evoluído em uma direção positiva.

"Temos conversas adiantadas com a Inter, já começamos a conversar com os empresários do jogador. Acho que não vamos ter qualquer tipo de problema se ele quiser continuar. O Flamengo vai fazer uma proposta contundente e satisfatória para ele", afirmou o vice-presidente de futebol Marcos Braz, no Maracanã. "O Flamengo vai fazer o esforço possível para manter o Gabriel aqui no ano que vem."

Em uma sondagem inicial, foi colocado à mesa um valor de aproximadamente 15 milhões de euros (aproximadamente R$ 67,3 milhões). A boa fase que Gabigol atravessa fez com que os valores inflacionassem. Mais recentemente, com a convocação para a seleção brasileira, as cifras desejadas pela Inter de Milão, de acordo com jornais italianos, já são especuladas em torno de 30 milhões de euros (cerca de R$ 135 milhões).

O jogador, que conquistou a torcida rapidamente, já demonstrou vontade em ficar no clube da Gávea. A diretoria rubro-negra também ressaltou a importância do camisa 9, mas admite que é uma negociação com obstáculos.

"Gosto de agradecer a Deus, à torcida do Flamengo e aos meus companheiros, que me deixam à vontade. Espero que continue assim. Não só pelos gols, mas também pela equipe, pela participação em jogadas no ataque. Obviamente está acabando o meu contrato, espero que estes últimos jogos, entre aspas, sejam felizes", Gabigol afirmou, no começo de agosto, bem antes de saber que chegaria à final da Libertadores.

"Aí já não é comigo [permanência]. Todos sabem que tenho contrato com a Inter de Milão. Mais dois anos ainda. Meu empréstimo vai até o fim deste ano... Como falei, espero que estes últimos jogos, entre aspas, sejam felizes."

Flamengo