PUBLICIDADE
Topo

Rafael Reis

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Meia que recusou Palmeiras é maior garçom brasileiro na Europa; veja top 10

Otavio foi o brasileiro com mais passes para gol na temporada europeia - Octavio Passos/Getty Images
Otavio foi o brasileiro com mais passes para gol na temporada europeia Imagem: Octavio Passos/Getty Images
Rafael Reis

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

27/05/2021 04h20

O meio-campista Otávio, revelado pelo Internacional, que chegou a defender a seleção olímpica no ciclo passado e que está no Porto desde 2014, foi o maior garçom brasileiro da temporada 2020/21 do futebol europeu.

Ao longo dos últimos oito meses, o atleta de 26 anos distribuiu 12 passes para seus companheiros marcarem em 42 partidas. Foram oito assistências no Campeonato Português e mais quatro na Taça de Portugal.

Nenhum outro jogador brasileiro que atua na primeira divisão das 20 principais ligas nacionais do Velho Continente, de acordo com os coeficientes da Uefa (Inglaterra, Espanha, Itália, Alemanha, França, Portugal, Holanda, Rússia, Bélgica, Áustria, Escócia, Ucrânia, Turquia, Dinamarca, Chipre, Sérvia, República Tcheca, Croácia, Suíça e Grécia), foi tão solidário no período.

Otávio deu uma assistência a mais que Éverton Cebolinha (Benfica), Neymar (Paris Saint-Germain) e Raphinha (Leeds United), que dividem a segunda colocação do ranking de passes para gol em 2020/21.

O top 10 dos garçons tupiniquins tem vários outros nomes conhecidos do torcedor brasileiro, alguns bem rodados, como Lucas Moura (Tottenham) e Roberto Firmino (Liverpool), e outros ainda no início de suas trajetórias na Europa, casos de Rodrygo (Real Madrid) e Antony (Ajax).

Curiosamente, o rei brasileiro dos passes para gol nem teve 2020/21 como sua melhor temporada. No ano anterior, ele havia sido ainda mais produtivo, com nada menos que 15 assistências.

O camisa 25 do Porto já conquistou dois títulos portugueses desde que chegou à terra de Cristiano Ronaldo, em 2014. Ele é titular absoluto da equipe do técnico Sérgio Conceição e costuma jogar pela faixa direita do meio-campo.

No começo do ano, o jogador entrou no radar do Palmeiras e chegou a conversar com a diretoria alviverde sobre a possibilidade de retornar ao Brasil. Na época, o Milan também mostrou interesse em contratá-lo.

Mas Otávio, que estava no último semestre do seu contrato, optou por renovar com o Porto. Seu novo vínculo vai até junho de 2025 e tem uma cláusula de rescisão de 60 milhões de euros (cerca de R$ 390 milhões).

Como meteu cinco bolas nas redes ao longo de 2020/21, Otávio participou ativamente de 17 gols na temporada. O recordista brasileiro no quesito nesse ano foi Neymar, com 28 movimentações de placar.

Já o artilheiro do país pentacampeão mundial de futebol no Velho Continente foi o ex-palmeirense Arthur Cabral, atualmente no Basel, da Suíça, que marcou 20 vezes ao longo da temporada.

Brasileiros com mais passes para gol na temporada:

1 - Otávio (Porto-POR): 12 assistências
2 - Éverton Cebolinha (Benfica-POR): 11 assistências
Neymar (Paris Saint-Germain-FRA): 11 assistências
Raphinha (Leeds United-ING): 11 assistências
5 - Antony (Ajax-HOL): 10 assistências
Douglas Santos (Zenit São Petersburgo-RUS): 10 assistências
7 - Alan Patrick (Shakhtar Donetsk-UCR): 9 assistências
Roberto Firmino (Liverpool-ING): 9 assistências
8 - Lucas Moura (Tottenham-ING): 8 assistências
Matheus Cunha (Hertha Berlim-ALE): 8 assistências
Rodrygo (Real Madrid-ESP): 8 assistências