PUBLICIDADE
Topo

Petrix põe carreira de ginasta em xeque com exposição no BBB

BBB 20: Petrix espera contar com a ajuda do público para permanecer no jogo caso vá para o paredão - Reprodução/GlobosatPlay
BBB 20: Petrix espera contar com a ajuda do público para permanecer no jogo caso vá para o paredão Imagem: Reprodução/GlobosatPlay
Demétrio Vecchioli

Demétrio Vecchioli, jornalista nascido em São Roque (SP), é graduado e pós-graduado pela Faculdade Cásper Líbero. Começou na Rádio Gazeta, foi repórter na Agência Estado e no Estadão. Dedicado à cobertura de esportes olímpicos, escreveu para o UOL, para a revista Istoé 2016, foi colunista da Rádio Estadão e, antes do Olhar Olímpico, manteve o blog Olimpílulas. Neste espaço, olha para os protagonistas e os palcos do esporte olímpico. No Olhar Olímpico têm destaque tanto os grandes atletas quanto as grandes histórias. O olhar também está sobre os agentes públicos e os dirigentes esportivos, fiscalizados com lupa. Se você tem críticas, elogios e principalmente sugestões de pautas, escreva para demetrio.prado@gmail.com

04/02/2020 04h00

Quando aceitou o convite da Globo para participar da 20ª edição do Big Brother Brasil (BBB), Petrix Barbosa disse a pessoas próximas que esta era a grande oportunidade de realizar um sonho: disputar os Jogos Olímpicos. Aos 27 anos, o ex-ginasta do Flamengo e da seleção brasileira tinha chances remotas de ir a Tóquio-2020, mas acreditava que poderia estar em Paris-2024, aos 31. Ganhar o prêmio de vencedor do BBB, ou ao menos atrair patrocinadores, seria a forma de financiar esse sonho.

Petrix, porém, parece ter apostado alto demais. Ao colocar todas as fichas em um estilo pessoal provocativo, conhecido no meio da ginástica brasileira, foi para o tudo ou nada. É verdade que o público do BBB adora premiar quem desafia o politicamente correto, mas Petrix passou dos limites. Ao que tudo indica, não dorme na casa a partir de hoje. Deve ser eliminado no paredão desta noite.

Quando o nome de Petrix foi anunciado na escalação do BBB, praticamente nenhum ginasta se manifestou nas redes sociais. Poucos fizeram qualquer movimento indicando torcer pelo ex-colega. Quem conhece os bastidores da ginástica sabe que, se dependesse da campanha de ginastas de renome, Petrix seria eliminado no primeiro dia do programa, antes mesmo de causar todas as polêmicas que causou.

Ao entrar no BBB, porém, Petrix parece ter confiado que teria a oportunidade de construir uma nova imagem junto ao público e receber as oportunidades esportivas que lhe fizeram falta no ciclo olímpico de 2016, o último dele defendendo o Brasil. Sonhando em ainda se classificar para a Olimpíada, agora por Portugal, antes de aceitar o convite se preocupou em saber se teria uma academia de alto nível para treinar.

Dentro da casa, porém, Petrix vem passando longe de demonstrar um comportamento exemplar. Quem acompanha diariamente o programa nota que o ginasta consome bebidas alcoólicas a níveis não recomendados para atletas. Se é assim que Petrix cuida do seu próprio corpo faltando quatro meses para o Campeonato Europeu que dará vagas na Olimpíada, então é difícil levá-lo a sério como ginasta de alto rendimento.

A Globo provavelmente sabia disso quando o escolheu para participar deste BBB.

Petrix defendeu São Bernardo, São Caetano, Flamengo e Vasco na ginástica brasileira. Demitido do Flamengo em 2013, quando era nome recorrente na seleção brasileira, Petrix nunca mais se firmou. Mudou-se para os Estados Unidos, para treinar em uma academia que acabou fechando, e recebeu convite de Portugal para defender o país europeu. Com dinheiro na mão, poderia contratar um ótimo treinador, treinar em um ginásio de ponta nos Estados Unidos, viajar para todas as competições, conseguir resultados e esfregar na cara da ginástica brasileira: "olha o que vocês perderam".

É exatamente essa a mensagem que vai ficar se Petrix for de fato eliminado hoje, mas por um viés oposto do que ele imaginava. Se o Petrix que a ginástica brasileira perdeu para Portugal é esse, que se dedica assim ao esporte e se comporta desta forma na intimidade, então que bom que as portas se fecharam para ele.

Olhar Olímpico