PUBLICIDADE
Topo

Fiat Fastback: quais os detalhes revelados por teaser do novo SUV cupê

Fiat Fastback é revelado - Divulgação
Fiat Fastback é revelado Imagem: Divulgação

Julio Cabral

Do UOL, em São Paulo

04/08/2022 14h52

A Fiat apresentou as primeiras imagens do Fastback, o primeiro SUV cupê da marca. Embora o seu projeto esteja em desenvolvimento há muitos anos, o fato é que o segmento de modelos do tipo foi inaugurado comercialmente pelo Volkswagen Nivus. Focamos em alguns detalhes para esmiuçar o modelo.

De acordo com o colunista Marlos Ney Vidal, do UOL Carros, o Fastback já está em produção, o que significa que o seu lançamento pode ser nos dois próximos meses.

Os detalhes visuais exibidos nas duas primeiras fotos mostram algumas similaridades com o Pulse, a começar pelos faróis de LEDs. O para-choque dianteiro tem design muito próximo ao do Fiat Pulse Abarth (se não é o mesmo) e integra a base dos faróis com uma pequena curvatura.

As fendas nas pontas da peça combinam bem com a pretensão mais esportiva do SUV cupê. A inspiração no Abarth também está presente na grade em treliça.

Olha que estamos falando de uma versão convencional do Fastback. A despeito de ser rápida, a Abarth ainda vai demorar um tempo. É o mesmo caso do Pulse Abarth.

Por sua vez, o perfil é o ponto em que o Fastback mais se afastou do Pulse. Enquanto o SUV convencional manteve as portas traseiras do Argo, o novo modelo aposta em portas com queda na parte posterior. De quebra, também traz um perfil diferente para esse elemento, que traz ainda um recorte na coluna para dar aquele ar de terceira janela.

A traseira também concentra formas bem diferentes. A tampa do porta-malas forma um spoiler integrado, algo que combina com as lanternas horizontais de LEDs. O para-choque exibe um extrator e saídas de escapamento falsas, mas pode esperar que a Abarth deve trazer os mesmos escapes duplos do Abarth.

Coluna C do Fiat Fastback tem um detalhe interessante - Divulgação - Divulgação
Coluna C do Fiat Fastback tem um detalhe interessante
Imagem: Divulgação

Se você notar uma certa familiaridade na traseira, você não está enxergando mal. A similaridade com os BMW X4 e X6 está ali, mas temos que lembrar que o movimento dos SUVs cupês surgiu antes em carros premium. Agora, vai passar a se popularizar em veículos menos caros.

Derivado da plataforma do Argo, o projeto não segue as linhas do conceito de 2018 e sua inspiração na Toro. Derivações da picape acabaram não saindo do papel, uma estratégia que talvez faça sentido, uma vez que a Jeep é a marca que mais concentra seus esforços no mercado dos SUVs.

O Fastback pode ser o segundo modelo mais caro da Fiat no mercado nacional, uma exclusividade que coloca a sua faixa de preços acima do Pulse. Isso porque a Toro ainda vai ficar em uma fatia superior de mercado. Contudo, se levarmos em consideração apenas os carros de passeio da marca, a situação muda.

Falando em derivação do Argo, o SUV cupê parece alongado, mas manteve o entre-eixos do hatch e do Pulse. São 2,53 metros, uma distância que não deve ser suficiente para levar cinco adultos (e que compacto leva?). Entretanto, de acordo com Vidal, o porta-malas deve superar os 500 litros, contra 370 l do primo. É o lado bom da traseira comprida.

Múltiplas versões

Ainda de acordo com Marlos Ney Vidal, o modelo terá três versões 1.0 iniciais: Drive, Audace e Impetus. Todas serão equipadas com o motor 1.0 turbo T200, unidade que gera 130/125 cv e 20,4 kgfm de torque. O três cilindros vem sempre associado ao câmbio automático CVT.

Fiat Fastback tem uma pitada de BMW na traseira - Divulgação - Divulgação
Fiat Fastback tem uma pitada de BMW na traseira
Imagem: Divulgação

Diferentemente do Pulse, o Fastback não terá que virar Abarth para receber o Turbo 270, um 1.3 capaz de entregar 185/180 cv e 27,5 kgfm e que vem sempre com a caixa automática de seis marchas. O nome dessa configuração ainda não está definido, segundo Vidal.

A oferta de um propulsor maior e mais potente ajudará o SUV a se descolar do Volkswagen Nivus em desempenho e preço, uma vez que o rival tem como opção apenas o 1.0 TSI de 128/116 cv e 20,4 kgfm. Quem sabe um Nivus GTS vem por aí? Seria um sucesso de mercado maior do que o Polo e Virtus GTS.

De acordo com o apurado pelo UOL Carros, a Fiat terá uma área reservada aos Abarth em cerca de 50 a 60 concessionárias. E pega mal deixar o Pulse Abarth lá sozinho para preencher tanto espaço. Calma que o seu companheiro já está chegando.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.