PUBLICIDADE
Topo

Novo Kia Cerato vira 2.0 e ganha fôlego como alternativa a Corolla e Civic

Alessandro Reis

Do UOL, em Indaiatuba (SP)*

23/09/2019 20h05

Menos de 15 dias após o lançamento do Toyota Corolla 2020, o líder disparado dos sedãs médios no Brasil, a Kia apresentou a nova geração do Cerato, o representante da marca sul-coreana no segmento. Importado do México, o modelo desembarca no País mais espaçoso e conectado, a partir de 3 de outubro, trazendo uma melhoria em um dos itens mais criticados: o desempenho.

Com preços de R$ 94.990 para a versão EX e de R$ 104.990 para a configuração SX, o Cerato trocou o motor 1.6 flex de 128 cv e 16,5 kgfm, o mesmo usado no Hyundai HB20, pelo 2.0 16v bicombustível de 167 cv e 20,6 kgfm máximos.

A transmissão, como anteriormente, é automática com seis velocidades - porém, ganhou seletor com quatro modos de condução, que também ajusta ar-condicionado e assistência elétrica da direção para uma tocada mais econômica ou esportiva. Também como antes, a garantia é de cinco anos, uma das maiores do mercado.

Kia Cerato 2020 - Divulgação - Divulgação
Capacidade do porta-malas cresceu praticamente 100 litros, chegando a 520 litros
Imagem: Divulgação

Agora, traz potência e torque alinhados com outros sedãs médios, bem como preços mais próximos aos praticados por concorrentes tradicionais - porém, cerca de 5% mais baixos. A geração anterior era vendida por R$ 80.990 e baixou recentemente a R$ 72.990 para "queimar" o estoque remanescente.

A Kia pretende vender até o fim deste ano cerca de 1,2 mil unidades do sedã e projeta que a versão mais cara vai corresponder a cerca de 60% dos emplacamentos. A expectativa é comercializar aproximadamente 350 carros por mês.

Quanto ao visual, o novo Kia Cerato 2020 ficou mais esportivo, trazendo uma evolução em relação ao modelo atual. Traz inspiração em sedãs maiores da marca, como o Stinger, diz a empresa. Na dianteira, a grade inspirada no "nariz de tigre", típica da montadora, foi redesenhada, bem como os faróis com luzes diurnas de LEDs, os para-choques e o capô, mais longo que antes.

Na traseira curta, chamam a atenção o ressalto na tampa do porta-malas, que faz as vezes de aerofólio, e as lanternas com iluminação de LEDs na configuração mais cara - que lembra sedãs da Jaguar. O conjunto agrada e não deve causar polêmica como o design do novo HB20 e de outros modelos recentes da co-irmã Hyundai - controladora da Kia.

Kia Cerato 2020 - Divulgação - Divulgação
Comprimento da carroceria cresceu oito centímetros, totalizando 4,64 metros
Imagem: Divulgação

Ficou maior

Em relação ao tamanho, o Cerato cresceu em praticamente todas as dimensões. Somente no comprimento, são oito centímetros extras: de 4,56 metros para 4,64 metros. Já a largura subiu dois centímetros, de 1,78 metro para 1,80 metro. Por sua vez, a distância entre-eixos foi mantida em 2,70 metros e a altura diminuiu, reforçando a aparência esportiva: tinha 1,46 metro e, agora, mede 1,44 metro.

A capacidade do porta-malas, outro ponto fraco também corrigido: tinha capacidade para 421 litros e saltou para 520 litros, a maior da categoria, segundo a Kia. Outro ajuste para ficar no mesmo patamar da concorrência. As rodas de liga leve têm novo desenho e 16 polegadas.

Kia Cerato 2020 - Divulgação - Divulgação
Cabine foi reformulada e agora traz central multimídia, item praticamente obrigatório nessa faixa de preço
Imagem: Divulgação

Mais conteúdo

Em relação a equipamentos, mais ajustes. Finalmente o Cerato passa a vir de série com central multimídia, dotada de tela "flutuante" sensível ao toque medindo oito polegadas. O equipamento é compatível com Android Auto e Apple CarPlay, permitindo navegação GPS via Waze, e traz comandos de voz.

A cabine traz painel com revestimento macio ao toque, painel de instrumentos redesenhado e volante ajustável em altura e profundidade com comandos integrados.

A versão de entrada EX traz de série volante e alavanca do câmbio revestidos de couro, sensor de chave, saída de ar-condicionado para o banco traseiro, volante multifuncional, a já citada central multimídia e sensor de pressão dos pneus.

A versão de topo SX acrescenta ar-condicionado digital de duas zonas, bancos de couro, partida do motor por botão, retrovisores externos com rebatimento elétrico, setas integradas e aquecimento, molduras externas das portas cromadas, borboletas para troca de marchas, pedais e apoio de pé de aço escovado e lanternas traseiras de LED.

Segurança

O Cerato 2020 traz em ambas configurações barras de proteção contra impactos laterais nas quatro portas, controles de tração e estabilidade com assistente de partida em rampa (finalmente!), cintos de segurança de três pontos para todos os passageiros, seis airbags e Isofix.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.

*Viagem a convite da Kia