Topo

Salão de Genebra


Mercedes-Benz CLA Shooting Brake é a perua que nunca veremos no Brasil

Do UOL, em São Paulo (SP)

05/03/2019 08h28

A Mercedes-Benz revelou hoje (5) a nova geração da CLA Shooting Brake. Derivada do novo CLA, a perua não deve ser vendida no mercado brasileiro, cada vez mais adepto dos SUVs e menos fã das peruas.

O modelo é maior que seu antecessor, com 48 milímetros a mais de comprimento, 53 milímetros adicionais de largura e apenas 2 milímetros a mais em altura. A distância entre eixos aumentou em 30 milímetros e o porta-malas agora acomoda até 505 litros -- mais do que os 495 litros anteriores.

Por fora, a CLA Shooting Brake repete a dianteira com estilo "nariz de tubarão" exibida no novo CLA sedã. O mesmo estilo surge na traseira, com as lanternas divididas pela tampa do porta-malas. O interior da perua também oferece as mesmas comodidades do sedã, incluindo a central multimídia MBUX com assistente pessoal -- que no Brasil estreou no novo Classe A.

Segundo a fabricante, a perua preserva as "características esportivas da linha de compactos" da marca. A lista de itens de série inclui suspensão adaptativa, sistema de estacionamento autônomo, alerta de permanência em faixa, sistema de direção semiautônoma, entre outros equipamentos.

A CLA Shooting Brake será equipada com várias motorizações a gasolina e a diesel, tanto com câmbio manual quanto com automatizada de dupla embreagem. A versão topo de gama (CLA 250) terá 225 cv. O lançamento mundial da perua será realizado apenas em setembro.

Mais Salão de Genebra