Topo

Drinques


Drinques

Três drinques para curtir o Dia Internacional do Rum

Luiza Vieira

Colaboração para Urban Taste, em São Paulo

16/08/2019 11h27

Se o seu conhecimento sobre rum se resume a piratas e cuba-libre, essa matéria é para você. Isso porque 16 de agosto, é comemorado o Dia Internacional do Rum, bebida que - antes tarde do que muito tarde - está conquistando o merecido lugar ao sol em balcões paulistanos.

Veja também:

8 lugares veganos em São Paulo para você conhecer
De cheddar a abacate: um roteiro por 'dogões' diferentes em São Paulo
As padarias mais antigas de São Paulo

O novo gin tônica da praça tem se tornado base para drinques aromáticos e cheios de camadas, muito além da combinação manjada com refrigerante de cola. Rum&Coke pode? Pode sim, estamos em um país livre, mas depois de um papo com Lula Mascella, embaixador da Havana Club e chefe de bar do descolado O Picco, em Pinheiros, na capital paulista, é bobagem ficar na cuba-libre para sempre.

Lula Mascella, bartender do Picco - Divulgação
Lula Mascella, bartender do Picco
Imagem: Divulgação

"Coquetéis cítricos, como o clássico Daiquiri, podem ser uma excelente porta de entrada para quem está começando a beber rum", explica. A versatilidade da bebida, segundo o chefe, ainda a coloca bem em refeições, para harmonizações. "O próprio Daiquiri acompanha muito bem aquela feijoada ou um churrasco com os amigos. Bebidas cítricas de toque ácido harmonizam com alimentos gordurosos, como carne vermelha e carne de porco."

Aproveitamos a deixa e pegamos dicas de três criações à base do rum da carta d'O Picco para você experimentar.

3 OLD RUM

Tales Hidequi
Imagem: Tales Hidequi

"Inspirado no clássico Old Fashion, o 3 Old Rum é levemente adocicado, um pouco apimentado e com notas de caramelo. Para acompanhar, recomendo pedir uma porção de queijos paulistas que servimos no Picco. O caramelo e toque apimentado do coquetel combinam muito com queijos e geleia de pimenta."

OLI

Tales Hidequi
Imagem: Tales Hidequi

"Era um dia de calor, e uma cliente habitual - que virou amiga pessoal - queria tomar um coquetel de copo alto, refrescante. Aceitei o desafio e criei esse drinque. O nome dela é Olívia e a chamamos de Oli, por isso batizamos o drinque assim. Refrescante, cítrico e herbal, vai bem com a Pizza Pieno, servida na casa, feita com mozzarella de búfala, queijo grana padano, linguiça apimentada, ovo caipira e cebolinha."

CAFETAZZO

Tales Hidequi
Imagem: Tales Hidequi

"Veio da curiosidade, da vontade de juntar gordura de coco com rum envelhecido no processo de fat washing. Estava com isso na cabeça e resolvi experimentar, pensando em um coquetel para encerrar a bebedeira da noite. O resultado? Um drinque de potencial alcoólico alto, com notas de coco e café, de final levemente adocicado. Combina com o Sorbet de Garibaldi, criado pela Chef Nina Piccini. O contraste entre um sorbet de toque amargo com um coquetel mais adocicado traz um equilíbrio interessante. O coquetel ganha um pouco de amargor enquanto o sorbet ganha doçura nessa troca".

Vai lá:
R. Lisboa, 294, Pinheiros, São Paulo
Terça a domingo, das 18h às 0h.
Telefone: (11) 3081-0066
Mais informações pelo Instagram do Picco.

Drinques