PUBLICIDADE

Topo

Sexo

Pés: 10 maneiras criativas e provocantes de usá-los durante o sexo

Ricos em terminações nervosas, os pés são bem sensíveis aos estímulos e podem apimentar as preliminares - iStock
Ricos em terminações nervosas, os pés são bem sensíveis aos estímulos e podem apimentar as preliminares Imagem: iStock

Heloísa Noronha

Colaboração para Universa

13/02/2020 04h00

Não é preciso ser um podólatra - quem tem fetiche por pés para reconhecer que essa região tem um enorme potencial de prazer. Ricos em terminações nervosas, tanto os pés femininos quanto os masculinos são bem sensíveis aos estímulos e ficam em ponto de bala durante as preliminares.

Quer saber como tirar o maior proveito possível dessa parte da anatomia na hora do sexo? Siga as dicas de Fernanda Pauliv, consultora e palestrante de sensualidade, de Curitiba (PR); Juliana Bonetti Simão, psicóloga especialista em sexualidade, de São Paulo (SP), e F*F*, fetichista de pés.

1. Experimente uma posição com benefícios

Há uma boa estratégia para curtir a penetração e, ao mesmo tempo, carinhos nos pés. O homem deve ficar ajoelhado, com as pernas cruzadas para trás, enquanto a mulher, deitada de costas, mantém as pernas abertas e o quadril bem elevado, apoiando os pés nos ombros do par. Além da penetração profunda, ele pode aproveitar a postura para dar beijos e mordiscadas nos pés dela.

2. Invista num sexo oral com upgrade

Deitada de costas, a mulher deve flexionar bem as pernas, permitindo que o par se posicione no meio e segure os pés dela com as palmas das mãos, pelas laterais externas. Durante o sexo oral, quem estiver comandando o momento pode usar os polegares para estimular cada ponto do pés de quem está recebendo o estímulo, ampliando a excitação e facilitando o orgasmo. A posição também vale para homem deitado e mulher conduzindo o oral e, ainda, para relações homossexuais.

3. Ative a fricção

Manter as pernas bem unidas durante a penetração traz a sensação de estar mais "apertadinha" e sensível ao atrito, principalmente se o parceiro estiver por trás. Nestas horas, vale deixar os pés bem colados, juntos mesmo, o que vai proporcionar maior fricção do pênis com a vagina, aumentando o prazer e a chance de um orgasmo ainda mais intenso!

4. Faça uma exploração (literalmente!) quente

Os pés - principalmente o dedão - são uma forma lúdica e gostosa de percorrer o corpo do outro. Com eles, é possível estimular o clitóris, a glande do pênis e até brincar com a região anal. Porém, ninguém merece um pé frio na hora do sexo! Para tornar a prática mais gostosa, vale besuntar as partes com gel lubrificante ou óleo de massagem de efeito hot antes de partir para ação. Se tiverem sabor, melhor ainda, pois dá para lamber depois.

5. Use a boca sem moderação

Segundo a medicina alternativa - em especial, os conceitos da reflexologia -, todos os nossos órgãos têm um ponto correspondente no pé, inclusive os genitais. É por isso que beijos e lambidas na sola causam arrepios por todo o corpo, elevando o tesão à potência máxima. Beijar, lamber e sugar cada dedo pode ser uma preliminar e tanto para dar ou receber o melhor sexo oral da vida. Vale tentar imitar os movimentos da boca durante a prática.

6. Aposte no poder do bullet

A cápsula vibratória em forma de bala é o sextoy mais versátil que existe. Seu formato diminuto - que não foi feito para introdução, é importante lembrar - permite mil e uma brincadeiras. Por exemplo: que tal encaixar o bullet entre os dedos e brincar de estimular o par duplamente, com o pé e com o aparelhinho?

7. Não subestime os vãos entre os dedos

Eles fazem parte de uma zona extremamente sensível e que merece um bom agrado com a boca. Quem sentir algum receio em relação ao gosto ou ao suor pode aplicar na área, antes da brincadeira, algum cosmético sensual com sabor e/ou comestível.

8. Brinque sob a água

Numa banheira, uma boa dica é recorrer aos chamados sabonetes líquidos sensuais, que têm aroma afrodisíaco, toque gostoso na pele e fazem bastante espuma - ou seja, são ideais para as travessuras sexuais aquáticas com os pés.

9. Crie uma pegada fetichista

Para os podólatras experts, os sapatos fazem toda a diferença, já que aumentam a carga erótica das brincadeiras com os pés. Usar saltos altos e meias transparentes ajudam a inventar um personagem e a dar vazão às mais diversas fantasias sexuais. O mesmo ocorre com botas, coturnos e sapatos mais pesados, que evocam uma atmosfera mais dominadora.

10. Divirta-se com os sentidos

Manter os pés amarrados, imobilizados ou contidos durante a transa podem promover uma sensação de vulnerabilidade e insegurança que, no sexo, deixam todo o corpo em alerta. Isso faz com que qualquer toque ou estímulo seja mais intenso do que o normal. Outra forma de explorar os sentidos é dar ou receber massagem nos pés no breu total. Além do clima de mistério, a escuridão faz com que o organismo fique em alerta, à espera das sensações de prazer.

Sexo