PUBLICIDADE

Topo

Violência contra a mulher

Luiza Brunet alerta sobre feminicídio: "Se você não interfere, é conivente"

Leo Franco/AgNews
Imagem: Leo Franco/AgNews

Carolina Martins

Colaboração para Universa

20/02/2019 13h21

Na noite da última terça-feira (19), Luiza Brunet foi uma das convidadas para a inauguração do salão ROM.CONCEPT, em São Paulo, onde conversou com a Universa sobre os casos de feminicídio que vem se destacando nas manchetes dos veículos de notícia recentemente.

A modelo, de 56 anos, que nos últimos anos enfrenta uma batalha judicial contra o ex-marido, Lírio Parisotto após ser vítima de violência doméstica, em 2016, falou sobre a culpa, que muitas vezes cai sobre a mulher.

"Não está acontecendo só com ela, são com outras mulheres. A culpa não é delas. Os homens perderam a mão. Briga de marido e mulher tem que meter a colher sim. Caso contrário você está sendo conivente com o crime", afirmou.

Luiza citou ainda o ataque sofrido pela empresária Elaine Caparróz, após conhecer o agressor por meio de um aplicativo de paquera.

"Hoje em dia, com as redes sociais você pode conhecer pessoas por meio de aplicativos. Como o Tinder, ou qualquer outro. Eu não estou nelas. Mas é uma oportunidade. É triste o caso dela, que no caso conheceu um mau caráter", opinou.

Violência contra a mulher