PUBLICIDADE
Topo

Sem querer, ministro do STJ participa de sessão online com fundo de tubarão

O ministro explicou que seu neto mexeu nas configurações do aplicativo, e ele não sabia mudar de volta - Reprodução
O ministro explicou que seu neto mexeu nas configurações do aplicativo, e ele não sabia mudar de volta Imagem: Reprodução

De Tilt, em São Paulo

06/05/2020 22h11

O ministro Jorge Mussi, eleito vice-presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), participou ontem de uma sessão virtual da Quinta Turma da Corte realizada pelo aplicativo Zoom.

O magistrado, no entanto, enfrentou uma pequena dificuldade técnica: ficou a reunião inteira com um fundo de tubarão.

Quem assistiu à sessão ao vivo ouviu a explicação do ministro: seu neto alterou as preferências do aplicativo, e ele não sabia mudar de volta.

A confusão foi motivo de risada no Twitter:

Ele não foi o único a participar da sessão de julgamento com um cenário diferenciado: o ministro Joel Ilan Paciornik escolheu uma imagem do próprio Superior Tribunal de Justiça como fundo para a chamada de vídeo.

Mais tarde, na Sessão Plenária da Corte, Mussi conseguiu resolver o problema: desta vez, participou da reunião usando a imagem de uma estante repleta de livros como fundo.