Topo

BGS 2019


Criadores do game do Predador falam das inspirações do filme de 87

Game com lançamento em 2020 é um multiplayer de "caça ou caçador" - Divulgação
Game com lançamento em 2020 é um multiplayer de "caça ou caçador" Imagem: Divulgação

Makson Lima

Colaboração para o START

19/10/2019 04h00

O Predador é um personagem que casa perfeitamente com videogame. Foram muitos jogos no passado, desde "Alien vs Predator", tanto aquele clássico dos fliperamas da Capcom, quanto alguns FPS de alto nível, a "Concrete Jungle", estrelado pelo próprio caçador de recompensas intergaláctico. Agora, teremos uma nova experiência em algum momento de 2020.

"Hunting Grounds" entra no esquema "multiplayer assimétrico", bastante popularizado por jogos como "Dead by Daylight". O jogo estava disponível para testes durante a BGS 2019, e aproveitamos para fazer uma ligação para dois de seus criadores: Charles Brungdardt, CEO da IllFonic, e Jared Gerritzen, Diretor de Criação. Em pauta: carnificina, o filme favorito na série e o futuro desse tipo de jogo.

START: Vocês já desenvolveram "Friday the 13th the Game" e tenho altas expectativas para "Predator: Hunting Grounds". Dá pra dizer que o estúdio está se especializando nos grandes vilões do cinema? Um jogo de "Hellraiser" seria fantástico, aliás.

Charles Brungdardt: Sim, isso seria muito louco. Definitivamente, adoramos trabalhar com propriedades intelectuais e tivemos a chance de trabalhar com dois dos vilões mais icônicos. Estamos super empolgados com "Predador". Mas, sim, adoramos fazer jogos para um grupo de fãs e ambos os filmes têm comunidades bem grandes, que não apenas amam os filmes, mas também curtem videogames e, para nós, isso foi uma carta de amor para o filme de 87. Estamos muito felizes por trabalhar nisso.

Estávamos na E3 e meio que surgiu a pergunta: 'Qual é a próxima IP que a gente gostaria de fazer?' Alguém disse 'Predador' e imediatamente ficamos, tipo, 'É isso! 100%, faz total sentido'
Charles Brungdardt, Diretor de Criação

START: Como surgiu a ideia? Predador tem uma longa carreira nos videogames, ao contrário do Jason. Alguma memória querida de algum jogo do Predador do passado?

Charles Brungdardt: Tínhamos acabado de lançar "Friday the 13th The Game", tipo, umas três semanas do lançamento. Estávamos na E3 e meio que surgiu a pergunta: "Qual é a próxima IP que a gente gostaria de fazer?" Alguém disse "Predador" e imediatamente ficamos, tipo, "É isso! 100%, faz total sentido". Todos nos entreolhamos, acho que nem conversamos sobre como seria o design, todos nós apenas sabíamos o que seria. E tudo nasceu daí, alguém simplesmente deu a ideia.

Jared Gerritzen é Diretor de Criação da Illfonic - Divulgação
Jared Gerritzen é Diretor de Criação da Illfonic
Imagem: Divulgação
Jared Gerritzen: Entrei na Illfonic depois que "Friday the 13th The Game" foi lançado, mas eu conhecia o Chuck há muitos anos e joguei todas as diferentes versões de "Friday the 13th The Game". Chuck e eu temos feito jogos multiplayer competitivos, por anos. E agora eu diria que nossa empresa é, definitivamente, uma empresa específica para multiplayer. Quando eu entrei, e tendo jogado "Friday the 13th The Game" tanto quanto joguei, estávamos pensando no próximo jogo e daí um dos caras da equipe disse "Predador". Literalmente, tudo se encaixou. Foi tipo "cacete, sim!" Criamos um jogo de tiro em primeira pessoa onde estamos realizando essas missões e daí o Predador, numa visão em terceira pessoa, é capaz de correr pelas árvores e tem todas essas habilidades. Essencialmente, decidimos fazer 2 jogos em 1, o que era meio doido na época, mas era como se todas as peças estivessem se encaixado com tanta facilidade. É aí quando demos a ideia para a Sony, por já termos feito "Friday the 13th The Game", eles entenderam imediatamente.

Sabe, alguns dos caras na minha equipe trabalharam no "Alien vs Predator" na Monolith. E joguei muito AVP quando trabalhava na Monolith. Entender todos esses vários tipos de jogos dentro de um único jogo é bem legal. E temos testado bastante o nosso jogo, porque estamos nos preparando para uma etapa importante no desenvolvimento, e o game é tão divertido de jogar, porque é sempre diferente. Tipo, vou jogar como uma classe específica de soldado, daí, na próxima vez, serei o Predador. E apenas adiciona esse elemento realmente divertido, em que você muda constantemente seu estilo de jogo. O predador é uma besta completamente diferente do que o soldado mais bem armado que você conhece no planeta.

No game, Predador também será controlado por um jogador - Reprodução
No game, Predador também será controlado por um jogador
Imagem: Reprodução

START: Da mesma forma que vocês tiveram total apoio de Sean Cunnigham, criador do Jason, em "Friday the 13th The Game", vocês também tiveram apoio dos criadores de Predador?

Jared Gerritzen: Eu nem sei se os escritores originais sabem. Nunca falamos com eles. Seria incrível, mas o proprietário da IP é a Fox e trabalhamos juntos um certo tempo. O cara com quem trabalhamos estava na Fox nos últimos sete, oito anos e foi incrível trabalhar com eles. Eles permitiram que adicionássemos muito ao cânone da franquia, o que foi realmente muito legal.

START: Agora falando do gameplay em si, o que faz do jogo uma experiência interessante para quem jogar como caçado, e não caçador?

Charles conta que a ideia para o game surgiu durante a E3, e conquistou a equipe na hora - Divulgação
Charles conta que a ideia para o game surgiu durante a E3, e conquistou a equipe na hora
Imagem: Divulgação
Charles Brungdardt: Para ser honesto, a equipe de soldados de elite é a melhor das melhores, então esses soldados também podem se tornar os caçadores, até porque estão jogando missões de maneira semelhante ao filme de 87. Com eles na vila, no meio da selva... os soldados são muito poderosos. Eles podem acabar com qualquer tipo de inimigo. Então, enquanto cumprem a missão, estão jogando contra a inteligência artificial. Mas aí o Predador os encontra, e os soldados podem optar por caçar o Predador, se sentirem que podem derrubá-lo ou então, obviamente, o Predador pode caçá-los. Existe uma mistura aí. Fizemos o Predador muito poderoso, mas não invencível. Ele pode ser derrubado se não for esperto e decidir confrontar um grupo experiente de soldados. Para mim, tem sido muito divertido jogar em ambos os lados, gosto desse jogo de gato e rato. É como se cada lado também pudesse ser o caçador.

Fizemos o Predador muito poderoso, mas não invencível. Ele pode ser derrubado se não for esperto e decidir confrontar um grupo experiente de soldados
Charles Brungdardt, Diretor de Criação

Alguns dos soldados serão controlados por inteligência artificial - Divulgação
Alguns dos soldados serão controlados por inteligência artificial
Imagem: Divulgação

START: Então há outros soldados na selva, não apenas os jogadores?

Charles Brungdardt: Sim, sim, há personagens controlados por IA. Imagine que o time de soldados está jogando um FPS cooperativo contra a IA. Conforme estão fazendo suas missões, estão lutando contra outros soldados e essa IA pode combater o Predador também. Então, se o Predador entra em cena e há um monte de IA e a equipe de soldados, todos podem começar a atacar o Predador. O Predador realmente precisa jogar de forma tática e isso muda o ritmo do jogo várias vezes. Sou o Predador, então vou apenas observar esses caras por mais um tempo, e aí aproveito para agarrar alguém que se separa do grupo. Isso realmente contribui para o clima oitentista do jogo. Ele pega muito emprestado da essência do filme original, porque todos naquele filme eram malvadões gigantescos, com exceção do Shane Black, e ele morre primeiro! É só imaginar o Arnold Schwarzenegger ou o Carl Weathers. Esses caras são gigantescos! E é isso que queremos dar a você: queremos dar a você a impressão de ser um soldado armado até os dentes e capaz de fazer todas essas coisas incríveis.

START: Você mencionou Schwarzenegger! Podemos esperar a participação do personagem dele, Dutch, no jogo? Ou de algum outro personagem do filme clássico?

Charles Brungdardt: No momento, estamos nos concentrando muito no jogo. Então, é só puramente o jogo mesmo.

START: Entendo. A missão do Predador é caçar todos os soldados, certo? E o que os soldados estão fazendo na selva?

Charles Brungdardt: É o tipo de missão bem comum em jogos militares, de sabotar um computador, por exemplo, ou enviar arquivos de vírus e baixar informações, atacar um alvo ou assegurar determinada localização, coisas assim. Você realiza essas missões e tenta chegar ao helicóptero de resgate no final. E se você encontrar o Predador no meio do caminho, aí é como as coisas mudam, é o que torna o jogo divertido. E definitivamente você vai encontrar o Predador. Aí você deve decidir se vai focar mesmo nas missões, ou se vai tentar derrotar o Predador.

START: E é tão difícil matar o Predador quanto é matar o Jason?

Charles Brungdardt: Não, não mesmo. Nossa intenção era tornar o Predador poderoso, mas não tanto quanto Jason. Você, como Predador, precisa criar estratégias e utilizar todas as ferramentas disponíveis, todo armamento. Você pode usar o canhão de plasma e depois partir para o corpo a corpo. Foi importante incorporar a ideia de perseguição, de caçar a presa, encontrar a hora certa para atacar. Simplesmente cair no meio dos soldados pode ser uma péssima ideia.

Predator será poderoso, mas não tão difícil de matar por outros jogadores - Divulgação
Predator será poderoso, mas não tão difícil de matar por outros jogadores
Imagem: Divulgação

START: Ainda sobre o arsenal do Predador, existe personalização? Vários tipo de Predador para escolher e coisas assim?

Charles Brungdardt: Sim, sim. Em "Friday the 13th The Game", permanecemos totalmente fiéis ao cânone. Com este novo jogo, conseguimos liberdade para adicionar ao universo. Então, queremos permitir que as pessoas montem o seu próprio Predador. Estava olhando as possibilidades de personalização esses dias e há muitas coisas legais para se fazer como Predador. Nos filmes há diferentes tipos de Predador, então acho que funciona muito bem para entender o caminho que o jogo está seguindo. Estamos empolgados para, no futuro, revelar tudo isso.

SIGA O START NAS REDES SOCIAIS

Twitter: https://twitter.com/start_uol
Instagram: https://www.instagram.com/start_uol/
Facebook: https://www.facebook.com/startuol/
TikTok: http://vm.tiktok.com/Rqwe2g/
Twitch: https://www.twitch.tv/start_uol

BGS 2019