PUBLICIDADE
Topo

Nem soja, nem carne: a maior exportação do Brasil hoje é o meme do ônibus!

O autor da charge é Genildo Ronchi, morador do Espírito Santo
O autor da charge é Genildo Ronchi, morador do Espírito Santo
Reprodução

Luiza Missi

De Splash, em São Paulo

29/11/2021 11h31

Para quem usou as redes sociais na última semana, foi impossível fugir da seguinte imagem: dois homens num ônibus, um triste olhando uma parede de pedras e outro feliz observando uma paisagem ensolarada do outro lado do veículo.

O que pouca gente sabe é que o meme é baseado numa charge brasileira!

O autor é esse aqui: Genildo Ronchi, 53, morador do Espírito Santo.

Em entrevista ao jornal espanhol "El País", ele conta que fez a charge no dia de seu aniversário em 2013.

Continua depois da publicidade

A versão original aconselha: "Escolha o lado feliz da vida!"

Na entrevista, Genildo conta que teve a ideia no caminho de volta do trabalho: ele sempre passava por um terreno baldio, até que percebeu que poderia ver as coisas de outra forma.

Genildo Ronchi - Genildo Ronchi
Imagem: Genildo Ronchi
Um dia percebi que o sol se punha do lado oposto do terreno, e pensei: 'Por que tenho que passar aqui, se posso vir pelo outro lado?'
Genildo Ronchi em entrevista ao 'El País'

Coincidentemente, muitos dos memes também falam sobre trabalho:

Alguns têm dificuldade na parte de escolher o lado feliz:

Chegamos num ponto em que tem uma versão do meme sobre outro meme:

Continua depois da publicidade

Só quem já ficou torrando no sol do ônibus sabe que não é bem assim:

E como acontece com todos os nossos melhores memes, não demorou para os gringos descobrirem também!

Essa versão curtida mais de 400 mil vezes também é sobre trabalho: o homem triste tem um emprego, o feliz não.

Alguns inclusive compartilham uma versão com a marca d'água da página de memes Caxias da Depressão:

Que tal uma versão musical?

Também temos versões em espanhol!

Continua depois da publicidade

Genildo diz que fica feliz com a repercussão de sua obra, mas chama a atenção para um aspecto negativo: tem gente recortando sua assinatura do canto inferior direito da imagem.

Acredito que essa divulgação é boa para meu trabalho, mas é importante manter a assinatura.
Genildo Ronchi