PUBLICIDADE
Topo

Você precisa dar uma chance para a série 'Community'

Community Série
Community Série
Divulgação/NBC
Andreza Delgado

Andreza Delgado, baiana da terra do cacau, é uma das criadoras da Perifacon, a Comic Con da favela. Tem um canal no YouTube para resenhar séries, HQ's, filmes e livros e o game perifa, mas quando dá tempo tuíta pelos cotovelos.

Colunista do UOL

16/10/2020 16h25

"Community", série americana criada pelo comediante Dan Harmon, é uma sitcom sobre um grupo de pessoas que depois de seus fracassos pessoais acabam numa faculdade comunitária.

Faculdades comunitárias são bem comuns nos Estados Unidos, com cursos de duração de dois anos e preços acessíveis.

Continua depois da publicidade

Com estreia em 2009 na NBC, "Community" teve seis temporadas, disponíveis no Amazon Prime e na Netflix. O elenco principal conta com o ator e músico Donald Glover, que interpretava Troy Barnes.

Já Joel McHale interpreta Jeff, que acaba sendo o responsável por juntar o grupo de estudo da faculdade. Um advogado vigarista que, após ser pego com diploma falso, acaba em Greendale e ao longo da série vai sendo humanizado e perdendo um pouco da vigarice.

Shirley (Yvette Nicole) e Pierce (Chevy Chase), ambos representando o polo mais velho do grupo, são dois extremos diferentes

Shirley é uma senhora divorciada e religiosa, enquanto Pierce é um solteirão rico que esta fazendo curso em Greendale para não se sentir sozinho.

Continua depois da publicidade

Além disso, temos Annie (Alison Brie) e Britta (Gillian Jacobs), que vivem suas próprias tentativas de melhorar a própria imagem. Britta acredita ser uma verdadeira ativista, mesmo replicando frases prontas da internet, o que torna a personagem caricata e engraçada.

A faculdade onde eles estudam é excêntrica por si só, o logo de Greendale é um ânus (?!).

Falando em Greendale, o reitor Craig, personagem de Jim Rash, é um show à parte, com todas as fantasias que veste para fazer anúncios ou mesmo para flertar com Jeff são um acontecimento. Até porque ele nunca se assume gay. Não sei escolher a minha performance de Craig favorita.

Continua depois da publicidade

Uma das minhas coisas favoritas da série é o personagem Abed (Danny Pudi), um palestino-americano vidrado em cinema, e que faz quebras constante de quarta parede, nos fazendo lembrar que ele tem consciência de estar vivendo numa série. Anota que isso vai melhorando a cada episódio.

A forma como "Community" está sempre fazendo uma zoeira/homenagem com clássicos do cinema, tirando sarro de séries famosas como "Friends", dos "filmes da Marvel", ou mesmo fazendo um episódio inteiro sobre jogos de RPG, a torna única e especial.

Para você ter ideia, a série tem um episódio inteiro inspirado em "Law& Order", onde eles investigam quem destruiu o "inhame" do trabalho de biologia.

Continua depois da publicidade

Mas o meu favorito mesmo é um dos episódios com estética de documentário, que faz uma homenagem a "Hearts of Darkness", filme de 1991 gravado durante a produção de "Apocalypse Now", de Francis Ford Coppola, para mostrar os bastidores das filmagens.

Assim como no documentário que serviu de inspiração, que tinha a missão de mostrar as bizarrices dos bastidores de "Apocalypse Now", no episódio em questão, Abed roda um pseudo-documentário mostrando os bastidores do novo comercial da faculdade de Greendale, que está sendo dirigido pelo reitor.

Tem muito mais personagens, bizarrices e episódios engraçados e marcantes em "Community", mas realmente prefiro só te convencer falando que o ator e humorista Ken Jeong, famoso pelo filme "Se Beber Não Case", está na série mais instável do que nunca, interpretando o Señor Chang.

Continua depois da publicidade

Então, se você é fã de "The Office", "Brooklyn 99" ou qualquer sitcom que faça piadas com referências pop, realmente deveria dar uma oportunidade para "Community".