PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Conor rebate provocação de Khabib após derrota no UFC 257: 'Volte e lute'

Khabib Nurmagomedov, com cinturão do UFC - Mike Roach/Zuffa LLC via Getty Images
Khabib Nurmagomedov, com cinturão do UFC Imagem: Mike Roach/Zuffa LLC via Getty Images

Natassia del Fischer

Da Ag. Fight, em Abu Dhabi (EAU)

24/01/2021 06h17

Apesar da postura mais pacífica que acompanhou Conor McGregor na semana de sua luta no UFC 257, em Abu Dhabi (EAU), ficou claro que a relação do atleta com Khabib Nurmagomedov ainda está longe de ser amena. Tanto é que o russo não se furtou de provocar o rival após sua derrota por nocaute para Dustin Poirier neste sábado (23).

Através de suas redes sociais (veja abaixo ou clique aqui), Khabib ironizou uma possível mudança adotada nos treinamentos de Conor, e que não teria surtido efeito em sua performance no octógono. Além disso, o campeão peso-leve (70 kg) do UFC ainda questionou a lealdade do irlandês para com seu time.

"Isso é o que acontece quando você muda sua equipe, deixa os sparrings que fizeram você ser campeão e passa a treinar com crianças. Distante da realidade", provocou o russo, que segue virtualmente aposentado.

Aparentemente incomodado com as declarações de Khabib, atleta que o finalizou em 2018, McGregor, logo na coletiva de imprensa após o show, respondeu com intensidade. Em rápida análise, o veterano deixou as portas abertas para que seu rival, caso queira, resolva suas pendências com ele no octógono.

"Meu time vem sendo o mesmo desde o primeiro dia. Não mudei nada. Respeite os atletas. Este é o personagem do homem, com certeza, por trás de sua máscara. Que seja, o que ele vai fazer? Ele quer voltar ou não? Se ele quer fazer comentários desrespeitosos, volte e lute comigo de novo. Estou aqui", rebateu.

Vale lembrar que quando se enfrentaram em 2018, o clima de rivalidade entre os atletas foi tão intenso que uma briga entre as equipes tomou conta do ginásio em Las Vegas (EUA) logo após o final da disputa. Na ocasião, Khabib pulou o cage para agredir um dos córneres do irlandês, em respostas às provocações realizadas durante a promoção da disputa.

Acompanhe os resultados do UFC 257:

  • Dustin Poirier nocauteou Conor McGregor no 2º round;
  • Michael Chandler nocauteou Dan Hooker no 1º round;
  • Joanne Calderwood venceu Jessica Eye por decisão unânime;
  • Makhmud Muradov nocauteou Andrew Sanchez no 3º round;
  • Marina Rodriguez nocauteou Amanda Ribas no 2º round;
  • Arman Tsarukyan venceu Matt Frevola por decisão unânime;
  • Brad Tavares venceu Antônio 'Cara de Sapato' por decisão unânime;
  • Julianna Peña finalizou Sara McMann no 3º round;
  • Marcin Prachnio venceu Khalil Rountree Jr. por decisão unânime;
  • Movsar Evloev venceu Nik Lentz por decisão dividida;
  • Amir Albazi venceu Zhalgas Zhumagulov por decisão unânime.

MMA