PUBLICIDADE
Topo

MMA


'Cara de Sapato' planeja volta ao UFC no fim de 2020 e mira Brad Tavares

Ag. Fight

02/04/2020 11h01

O dia 14 de março era a data que Antônio 'Cara de Sapato' ia voltar a lutar pelo Ultimate, quando enfrentaria Makhmud Muradov, em Brasília. No entanto, uma lesão e cirurgia no joelho impediu que o atleta pudesse cumprir seu compromisso. Mas passado o procedimento cirúrgico, o faixa-preta de jiu-jitsu adiantou como está sua recuperação e o prazo de quando estará apto para pisar no octógono novamente.

Em entrevista ao site 'MMA Junkie', o brasileiro revelou que o período de quarentena sem poder ir à academia devido as restrições por conta do coronavírus, não está lhe afetando, já que nessa fase de recuperação, ele ainda não está liberado para fazer atividades de luta. Porém, mesmo assim, o lutador já pensa no futuro e colocou qual é sua meta para 2020.

"Na verdade, não mudou muito para mim. Fiz uma cirurgia no joelho há quatro semanas e tudo o que posso fazer é fisioterapia, mas espero poder voltar aos treinos lentamente em cerca de um mês. Eu rasguei o ligamento dos joelhos durante uma sessão de sparring. A recuperação foi boa. O médico foi excelente e posso contar com meu fisioterapeuta, que é ótimo", disse o lutador, completando sobre qual rival gostaria de encarar.

"Provavelmente em novembro ou dezembro (volta a lutar). Espero uma luta contra o Brad Tavares; ele é um bom lutador e também está no ranking", finalizou o campeão da terceira edição do The Ultimate Fighter Brasil, que inicialmente estava programado para encarar justamente o americano no UFC Brasília, mas uma lesão do rival o tirou do confronto e adiou os planos do faixa-preta de jiu-jitsu.

Após uma carreira de sucesso no jiu-jitsu, 'Cara de Sapato' migrou para o MMA em 2013. Após três vitórias seguidas, o brasileiro conseguiu uma vaga no TUF Brasil, na categoria peso-pesado, e conquistou o título em 2014, depois de superar Vitor Miranda na final. Desde então, o brasileiro, que atualmente ocupa o 14º do ranking dos médios, conquistou seis triunfos, quatro derrotas e um 'No Contest' (luta sem resultado).

MMA