PUBLICIDADE
Topo

MMA


McGregor recebeu quase três vezes mais do que todos os lutadores do UFC 246

Conor McGregor venceu por nocaute técnico em 40 segundos - Getty Images
Conor McGregor venceu por nocaute técnico em 40 segundos Imagem: Getty Images

21/01/2020 11h46Atualizada em 21/01/2020 16h34

No último sábado (18), Conor McGregor mais uma vez provou que é uma estrela do UFC ao nocautear Donald Cerrone. Mas fora do octógono, o irlandês também mostrou sua força e o quanto de dinheiro pode receber por uma apresentação sua. De acordo com informações obtidas pelo site 'MMA Fighting' através da Comissão do Estado de Nevada, o irlandês recebeu quase três vezes mais do que todos os outros 21 lutadores do UFC 246 somados.

Apenas para entrar no octógono, o irlandês ganhou 3 milhões de dólares (cerca de R$ 12,6 milhões). Essa quantia não leva em conta vendas de pay per view e o prêmio de 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) por "Performance da Noite", que ele recebeu após derrotar o 'Cowboy' com 40 segundos de luta.

Todos os outros atletas somados do evento levaram para casa cerca de um pouco mais de um milhão de dólares, comprovando a força que o astro irlandês tinha no evento. Adversário de McGregor, Cerrone ficou muito atrás no quesito financeiro e recebeu "apenas" 200 mil dólares (cerca de R$ 840 mil).

Único brasileiro presente no evento, Carlos Diego Ferreira pode não ter recebido a quantia milionária de McGregor, mas saiu com os bolsos cheios. Somente para lutar, o atleta já havia recebido 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil). Porém, recebeu mais 100 mil dólares (cerca de R$ 420 mil), por conta do bônus da vitória e pelo prêmio de "Performance da noite". Dessa maneira, levou para casa uma quantia de 150 mil dólares (cerca de R$ 630 mil).

Confira todos os salários:

Conor McGregor - 3 milhões de dólares (cerca de R$ 12,6 milhões) + 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) por "Performance da noite"
Donald Cerrone - 200 mil dólares (cerca de R$ 840 mil)
Holly Holm - 150 mil dólares (cerca de R$ 630 mil) + 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) de bônus da vitória
Raquel Pennington - 63 mil dólares (cerca de R$ 264 mil)
Aleksei Oleinik - 75 mil dólares (cerca de R$ 315 mil) + 75 mil dólares (cerca de R$ 315 mil) de bônus da vitória + 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) por "Performance da noite"
Maurice Greene - 30 mil dólares (cerca de R$ 126 mil)
Brian Kelleher - 23 mil dólares (cerca de R$ 96,6 mil) + 23 mil dólares (cerca de R$ 96,6 mil) de bônus da vitória + 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) por "Performance da noite"
Ode Osborne - 10 mil dólares (cerca de R$ 42 mil)
Anthony Pettis - 155 mil dólares (cerca de R$ 651 mil)
Carlos Diego Ferreira - 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) + 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) de bônus da vitória + 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) por "Performance da noite"
Roxanne Modafferi - 31 mil dólares (cerca de R$ 130 mil) + 31 mil dólares (cerca de R$ 130 mil) de bônus da vitória
Maycee Barber - 29 mil dólares (cerca de R$ 121 mil)
Andre Fili - 55 mil dólares (cerca de R$ 231 mil)
Sodiq Yusuff - 27 mil dólares (cerca de R$ 113 mil) + 27 mil dólares de bônus da vitória
Tim Elliott - 31 mil dólares (cerca de R$ 130 mil)
Askar Askarov - 10 mil dólares (cerca de R$ 42 mil) + 10 mil dólares de bônus da vitória
Drew Dober - 55 mil dólares (cerca de R$ 229 mil) + 55 mil dólares de bônus da vitória + 50 mil dólares por "Performance da noite"
Nasrat Haqparast - 25 mil dólares (cerca de R$ 104 mil)
Aleksa Camur - 10 mil dólares (cerca de R$ 42 mil) + 10 mil dólares de bônus da vitória
Justin Ledet - 20 mil dólares (cerca de R$ 84 mil)
Sabina Mazo - 12 mil dólares (cerca de R$ 50 mil) + 12 mil dólares de bônus da vitória
JJ Aldrich - 30 mil dólares (cerca de R$ 126 mil)
Cláudia Gadelha - 54 mil dólares (cerca de R$ 226 mil) *

*Não lutou, pois sua adversária, Alexa Grasso, ficou muito acima do limite de peso da categoria dos palhas.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do que informou o quarto parágrafo da matéria, Carlos Diego Ferreira embolsou R$ 630 mil, e não US$ 630 mil. A informação foi corrigida.

MMA