PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Caio vê expulsão injusta de Rodinei e critica VAR: 'Problema é quem opera'

Caio Ribeiro, comentarista do Grupo Globo - Reprodução/SporTV
Caio Ribeiro, comentarista do Grupo Globo Imagem: Reprodução/SporTV

DO UOL, em São Paulo

22/02/2021 14h39

O Flamengo venceu o Internacional por 2 a 1 na tarde de ontem no Maracanã e assumiu a liderança do Campeonato Brasileiro pela primeira vez na temporada. Agora, a equipe rubro-negra só depende de si para conquistar o bicampeonato.

Protagonista da confronto antes da bola rolar, o lateral direito Rodinei foi o centro das atenções na partida. Emprestado pela Flamengo, o jogador do Inter atuou mediante ao pagamento de R$ 1 milhão pela multa imposta em contrato. Ainda no primeiro tempo, Rodinei foi expulso com ajuda do árbitro de vídeo que viu lance temerário contra Filipe Luís, do Flamengo.

Comentarista do Grupo Globo, Caio Ribeiro viu exagero por parte da arbitragem. Segundo ele, a advertência de cartão amarelo seria suficiente pela gravidade do lance.

"O Rodinei não merecia ter sido expulso. O cartão amarelo estava de bom tamanho. Essa questão do R$ 1 milhão é a parte folclórica e da brincadeira. Esse é um erro que decide um campeonato. E mais do que isso, vamos começar a criticar o VAR. Não é a tecnologia que está errada, são as pessoas que operam o equipamento e a tomada de decisão do árbitro. Olhou no vídeo, viu que não teve maldade ou tanta intensidade, um amarelo resolveria o problema", disse o comentarista na edição de hoje do 'Globo Esporte'.

Caio Ribeiro disse não ter visto maldade, tampouco intenção de Rodinei lesionar o adversário.

"O Rodinei domina errado, e aí comete a falta. Nada mais que isso. Tanto que a reação do Diego e do Filipe Luís é absolutamente genuína e transparente. Até eles concordaram que não era para cartão vermelho. O Flamengo ainda não é campeão, mas acho que vai levar", completou.

O Flamengo é o novo líder do Brasileirão e será o campeão da temporada se vencer o São Paulo, na próxima quinta-feira, no Morumbi. Já o Inter, precisa vencer o Corinthians em casa e torcer por pelo menos um empate dos cariocas para levar o título.

UOL Esporte vê TV