PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Mano decide deixar o Fox Sports e Benja avalia sair do canal em dezembro

Benja e Mano no Fox Sports Rádio: jornalistas estarão em programa esportivo do SBT - Divulgação/Fox Sports
Benja e Mano no Fox Sports Rádio: jornalistas estarão em programa esportivo do SBT Imagem: Divulgação/Fox Sports

Gabriel Vaquer

Colaboração para o UOL, em Aracaju

21/10/2020 18h35

O Fox Sports enfrentou uma reviravolta interna no fim da tarde desta quarta-feira (21). O apresentador Benjamin Back, agora também contratado pelo SBT e se dividindo entre as duas casas, avalia não mais continuar nos canais esportivos da Disney a partir de janeiro do ano que vem. Seu contrato com a empresa americana, que vai até o fim do ano, não deve ser renovado, por opção do apresentador. A Disney tentará manter o profissional em seu casting.

Benja, inclusive, foi anunciado na noite de hoje (21) pelo SBT - pouco antes das transmissões da Libertadores. Outro que toma o mesmo caminho é o comentarista Mauricio Borges, o "Mano".

Mano acelerou sua saída e pediu demissão da Disney na tarde de hoje. Ambos vão assinar contrato com o SBT para participarem do novo programa esportivo da emissora, o "Arena SBT".

A informação foi confirmada pelo UOL Esporte com diversas fontes. Inicialmente, ambos iriam conciliar os seus trabalhos no Fox Sports com a nova missão no SBT. A conversa entre Mano e chefia da Disney aconteceu durante a tarde e foi amigável. O comentarista agradeceu a oportunidade e o tratamento, mas disse acreditar que a proposta da emissora de Silvio Santos neste momento é bastante interessante e mais atrativa para sua carreira, por causa do fator TV aberta.

Mano, inclusive, faria o programa "Futebol na Veia" no fim da tarde desta quarta na ESPN Brasil, mas foi trocado em cima da hora. Procurada oficialmente pela reportagem, a Disney confirma a saída do comentarista. O profissional estava no Fox Sports desde 2014, onde atuava no "Fox Sports Rádio", líder de audiência na TV paga. Ele também atua, e vai continuar, comentando jogos do Corinthians na Rádio Energia 97 de São Paulo.

Já a situação de Benjamin Back é mais complexa. O apresentador tem contrato até o final do ano e disse a pessoas próximas que não deve renovar o acordo que tem com a Disney, ficando apenas no SBT. No entanto, a empresa americana ainda afirma internamente que interesse em que o profissional continue na casa e promete fazer uma proposta para convencê-lo a ficar nos canais esportivos da Disney.

Benja foi anunciado oficialmente como contratado do SBT pouco antes das transmissões de Palmeiras e Flamengo pela última rodada da fase de grupos do Libertadores da América. Ele chamou o público para ver o "Arena SBT" e prometeu um programa para revolucionar a segunda à noite. "Será um programa do futebol raiz, diferente, com muita resenha", afirmou Benja.

Hoje, Benja é considerado o principal nome do Fox Sports. O apresentador comanda o "Fox Sports Rádio" e o talk-show "Aqui com Benja" nas noites de sábado, ambos indo muito bem no Ibope e na repercussão nas redes sociais.

Também procurada pela reportagem para falar sobre a situação de Benjamin Back, a Disney diz que o apresentador assinará com o SBT, mas que continua por enquanto na Disney desenvolvendo seus projetos.

No SBT, Benja e Mano farão parte da bancada do "Arena SBT", programa semanal que irá ao ar nas noites de segunda na emissora de Silvio Santos. A atração estreia na próxima segunda (26), a partir das 23h45, logo depois do "Programa do Ratinho". O esportivo substituirá o "Conexão Repórter", programa de Roberto Cabrini que sairá do ar com a ida do jornalista para a Record.

A mesa redonda terá comentaristas como debatedores, como Mauro Beting, que atua nas transmissões da Libertadores no canal. Téo José também fará parte do elenco. O programa será um grande debate sobre futebol e terá convidados e plateia assim que possível, após a pandemia do coronavírus. Os preparativos, como cenário e formação da produção do programa, já são feitos pela direção de Esportes do SBT, comandada por Tiago Galassi.

Além do novo programa esportivo, o SBT também está atrás de outros direitos de transmissão. As eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, com jogos do Brasil fora de casa, e a Fórmula 1, que agora passou a ser gerido no país pela empresa Rio Motorsports, e não mais da Globo após 38 anos, são os principais alvos. A situação da Copa Sul-Americana também é monitorada.

UOL Esporte vê TV