PUBLICIDADE
Topo

De volta a Baía Formosa, Italo Ferreira surfa com fãs e treina para Mundial

Italo Ferreira já treina em Baía Formosa poucos dias após ganhar a medalha de ouro no surfe das Olimpíadas de Tóquio - REUTERS/Rodolfo Buhrer
Italo Ferreira já treina em Baía Formosa poucos dias após ganhar a medalha de ouro no surfe das Olimpíadas de Tóquio Imagem: REUTERS/Rodolfo Buhrer

Júlia Flores

Do UOL, em Baía Formosa (RN)

31/07/2021 13h23

Quatro dias depois de ter conquistado a medalha de ouro nas Olimpíadas de Tóquio — a única do Brasil até agora — Italo Ferreira já começou a se preparar para um novo torneio: a etapa do Circuito Mundial de Surfe que acontece no México entre os dias 10 e 20 de agosto. Italo é o segundo colocado no campeonato, atrás apenas de Gabriel Medina.

Na manhã deste sábado (31), o surfista potiguar dividiu o mar de Baía Formosa, no Rio Grande do Norte, com fãs e amigos de infância. "É legal demais estar aqui, surfando em casa com todo mundo. É diferente ver tanta gente vindo para Baía só pra me ver", comenta o atleta de 27 anos.

Italo voltou ao Brasil na última quinta-feira (29). Na mesma noite, após uma coletiva de imprensa, ele seguiu viagem para Baía Formosa. Sem comunicar os fãs, o campeão chegou no município de quase 10 mil habitantes durante a madrugada de sexta.

O pai do atleta informou para a reportagem do UOL que uma carreata estava sendo planejada para receber o campeão olímpico. Porém, para evitar aglomerações por causa da pandemia de covid-19, a equipe do surfista pediu para que eventos em comemoração à medalha de ouro fossem cancelados.

Em 2019, quando Italo foi campeão mundial de surfe, a família e amigos do atleta organizaram uma carreata que saiu da capital Natal (RN) até Baía, um percurso com cerca de 100 quilômetros de distância.

"Encontro vocês no mar"

Banners com o slogan de Italo, "Diz amém que o ouro vem", estão espalhados por Baía Formosa, no litoral do RN - Marcinha Costa - Marcinha Costa
Banners com o slogan de Italo, "Diz amém que o ouro vem", estão espalhados por Baía Formosa, no litoral do RN
Imagem: Marcinha Costa

Assim que chegou à BF (apelido de Baía Formosa), na madrugada de sexta, Italo mandou um recado para o público. "Galera, não vamos realizar nenhuma comemoração. Encontro vocês no mar, estarei surfando e treinando nos próximos dias", avisou nas redes sociais.

ítalo arrancou aplausos dos fãs que assistiam ao campeão  - Marcinha Costa - Marcinha Costa
Italo arrancou aplausos dos fãs que assistiam ao campeão
Imagem: Marcinha Costa

Dito e feito: após desligar as câmeras, Italo se dirigiu a uma praia afastada da cidade, o "secret point" de BF, para treinar - secret é como os surfistas se referem a lugares secretos, isolados de banhistas e, claro, com boas ondas. Depois do treino, ele voltou para sua mansão, no litoral da cidade, onde permanece isolado com a família e amigos.

Se antes o atleta estava habituado a gritar pela avó quando chegava em casa depois de uma competição, dessa vez a primeira frase dita ao chegar em casa com o ouro olímpico foi diferente. "Eu disse: mãe, estou com fome", revelou o potiguar para o UOL.

A reportagem tentou contato com Dona Katiana, mãe de Italo, que, ocupada com a recepção do filho, não falou com a imprensa desde que o campeão desembarcou no Brasil. "Italo está de dieta, Katiana está ocupada preparando tudo para ele", contou Seu Luiz, pai do surfista.

Entre uma refeição e outra, o atleta reserva um espaço do dia para interagir com os fãs nas redes sociais. Questionado sobre como é ser o novo "crush" do Brasil, Italo ri sem graça e despista a reportagem. "Não sou crush de ninguém: eu sou surfista, isso sim". Na última semana, depois que ele respondeu a um tuíte da ex-BBB Juliette, o público começou a torcer por um possível envolvimento do casal. Os dois, porém, não se conhecem pessoalmente.

Tietado até no mar

Os irmãos Lucimar e Laís viajaram de Natal até Baía Formosa para "cair no mar" com o campeão olímpico Italo Ferreira - Marcinha Costa / UOL  - Marcinha Costa / UOL
Os irmãos Lucimar e Laís viajaram de Natal até Baía Formosa para "cair no mar" com o campeão olímpico Italo Ferreira
Imagem: Marcinha Costa / UOL

Com a imagem (positiva) em alta, Italo Ferreira está tomando cuidado para que sua presença não gere aglomerações e renda polêmicas. No mesmo final de semana em que retorna à Baía, um campeonato nacional de surfe acontece na cidade. Ele, porém, não participará do evento, que está sendo realizado a poucos metros de distância da sua casa.

Se Italo não vai aos fãs, os fãs vão até Ítalo. Como é o caso dos irmãos Lucimar e Laís; os dois saíram da capital Natal na noite de ontem (30) para tentar encontrar o campeão. "Decidimos vir para Baía logo depois que descobrimos que Italo estaria aqui. A viagem foi um sufoco, furamos dois pneus, não tivemos tempo para dormir; de madrugada já estávamos na porta da casa dele", conta Lucimar Amora (26).

"Estar no mesmo local que ele foi uma aula. Meu coração está palpitando", comenta Laís del Castillo (24), que surfa há pouco mais de um ano e entrou no mar para dividir as ondas com Italo. Quando o atleta deixou o local, depois de exibir aéreos e manobras radicais que arrancaram aplausos do público, Laís e outros surfistas correram para garantir uma foto com o campeão.

Italo foi receptivo com as cerca de 30 pessoas que estavam no local, posou com fãs e brincou com colegas que estavam na praia. Amigos do surfista alertavam o público sobre o distanciamento de segurança por causa da covid-19. "Tomem cuidado, ele tem que competir daqui a alguns dias", diziam. Sob aplausos e gritos de "É campeão", o potiguar deixou o "secret point" e retornou para casa, onde, provavelmente, seria recebido com uma nova refeição preparada por Dona Katiana.