PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Vice do UFC se diz infeliz com postura de rival de Maia e promete análise

Colby Covington provoca torcida na pesagem do UFC São Paulo - Reprodução
Colby Covington provoca torcida na pesagem do UFC São Paulo Imagem: Reprodução

Brunno Carvalho

Do UOL, em São Paulo

29/10/2017 03h48

O vice-presidente do UFC, Dave Shaw, disse não estar “muito feliz” com a postura adotada por Colby Covington. Desde antes de subir ao octógono, o norte-americano adotou o estilo provocador contra Demian Maia e o Brasil.

“Não tem como apoiarmos que os fãs arremessem coisas. Essa situação do Covington é muito séria, vamos rever a conduta e não estamos felizes com isso”, afirmou depois do UFC São Paulo.

No evento realizado no ginásio do Ibirapuera, Covington venceu Demian Maia por decisão unânime. Na entrevista ainda no octógono, o norte-americano chamou o Brasil de “chiqueiro”, o que provocou uma reação na torcida, que arremessou objetos em direção ao lutador.

“Não falei com ele depois da luta. As punições são possíveis. É um novo território para nós. Não é algo que estamos orgulhosos”, continuou. 

Parceiro de treino de Colby Covington, Pedro Munhoz falou sobre a postura do norte-americano. Também presente no card do UFC São Paulo, o brasileiro lembrou a fama conquistada por Conor McGregor com o estilo falastrão para tentar explicar a conduta de Covington.

“Ele é uma pessoa polêmica. Acho que as pessoas gostaram do barulho que o McGregor faz e viram que as coisas dão certo e estão fazendo. Vejo o Colby na academia sempre, nunca tive nenhum problema com ele. Acho que é mais pela parte da polêmica, de vender a imagem. E ele está conseguindo”.

Confira os resultados das lutas do UFC São Paulo:

Card Principal

Derek Brunson nocauteou Lyoto Machida aos 2min30 do primeiro round
Colby Covington venceu Demian Maia por decisão unânime (29-27, 30-27 e 30-26)
Pedro Munhoz finalizou Rob Font aos 4min03 do primeiro round
Francisco Massaranduba venceu Jim Miller por decisão unânime (triplo 29-28)
Thiago Marreta nocauteou Jack Hermansson aos 4min59 do primeiro round
John Lineker venceu Marlon Vera por decisão unânime (30-27, 29-28 e 29-28)

Card Preliminar

Vicente Luque finalizou Niko Price aos 4min08 do segundo round
Antônio Cara de Sapato finalizou Jack Marshman aos 4min30 do primeiro round
Jared Gordon venceu Hacran Dias por decisão unânime (29-26, 29-27 e 30-26)
Elizeu Capoeira venceu Max Griffin por decisão unânime (29-26, 29-27 e 30-26)
Deiveson Figueiredo venceu Jarred Brooks por decisão dividida (27-30, 29-28 e 29-28)
Marcelo Golm finalizou Christian Colombo aos 2min08 do primeiro round

MMA