PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Quem é Victor Hugo, promessa do Flamengo elogiada por Paulo Sousa

Victor Hugo, do Flamengo, comemora gol contra o Altos, pela Copa do Brasil - Gilvan de Souza / Flamengo
Victor Hugo, do Flamengo, comemora gol contra o Altos, pela Copa do Brasil Imagem: Gilvan de Souza / Flamengo

Alexandre Araújo e Letícia Marques

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

13/05/2022 12h00

Marcar o primeiro gol como jogador profissional no dia em que completa 18 anos é um roteiro similar a de um filme, mas foi o que viveu Victor Hugo, promessa do Flamengo que balançou a rede contra o Altos, em vitória que garantiu classificação na Copa do Brasil. A noite "hollywoodiana" do meia pode ser considerada um cartão de visita do jovem que vem ganhando chances com Paulo Sousa, mas ainda nem sequer foi integrado ao elenco principal.

De Bento Ribeiro, Zona Norte do Rio de Janeiro, Victor Hugo deu os primeiros passos na escolinha do Madureira, ainda aos seis anos, e, posteriormente, passou pelo Marabu, até chegar ao Vasco. Foi no rival do Rubro-Negro que ele fez a transição do futsal para o campo, antes de, aos 12 anos, desembarcar no Ninho do Urubu e fazer do local sua segunda casa.

Com o apoio familiar, principalmente dos pais, Welington e Silvia, e da avó materna, Soninha, que diversas vezes o levou aos treinos, Victor Hugo superou as dificuldades e se firmou nas categorias de base do Flamengo. Ele, inclusive, se destacou nas conquistas de títulos como do Campeonato Brasileiro, da Copa do Brasil e da Supercopa do Brasil pelo sub-17.

Neste período nas categorias de base, Victor Hugo se tornou a referência pela força física e a versatilidade, que o faz atuar de segundo volante a atacante. Não à toa, é considerado um dos jogadores com mais "faro de gol", além de ser arma nas cobranças de falta.

Em 2020, assinou o primeiro contrato com o Fla, com validade até 2025 e uma multa rescisória que girava na casa de 50 milhões de euros. Ainda no ano passado, houve uma renovação, e o novo contrato vai até 2027, com multa em 100 milhões de euros, cerca de R$ 534 milhões na cotação atual.

Na temporada 2022, passou a integrar alguns treinos do profissional e foi observado por Paulo Sousa, que lhe deu a primeira chance no Albertão, no primeiro encontro com o Altos. Depois, ele foi acionado ainda contra o Talleres, pela Libertadores, e novamente contra o time do Piauí, quando desencantou.

Paulo Sousa cumprimenta Victor Hugo após gol do jovem, na partida entre Flamengo e Altos-PI - Gilvan de Souza/CRF - Gilvan de Souza/CRF
Imagem: Gilvan de Souza/CRF

Curiosamente, ao aproveitar o cruzamento de Rodinei pela esquerda, Victor Hugo balançou a rede na mesma trave dos gols que rendeu ao clube o título da Copa do Brasil e do Brasileiro sub-17, em 2021.

"É um jogador que tem todas as condições para representar um clube com a grandeza que tem o Flamengo. Tem boa capacidade de interpretação de espaços, joga bem de costas e fisicamente é um bom jogador, é explosivo. Tem uma leitura de jogo muito boa. É um jogador que dentro da área tem muita presença. Tem gol.", disse Paulo Sousa.

Flamengo