PUBLICIDADE
Topo

Real Madrid

Rodrygo projeta Real x PSG 'precoce' e diz que enfrentar Neymar é especial

Rodrygo comemora gol marcado pelo Real Madrid na Liga dos Campeões contra a Inter de Milão - MIGUEL MEDINA / AFP
Rodrygo comemora gol marcado pelo Real Madrid na Liga dos Campeões contra a Inter de Milão Imagem: MIGUEL MEDINA / AFP

Colaboração para o UOL, em São Paulo

25/01/2022 12h08

Classificação e Jogos

O atacante Rodrygo, do Real Madrid, avaliou que o confronto entre o time espanhol e o PSG, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa, vai acontecer antes do que deveria. O jogador acredita que a força coletiva é o grande trunfo da equipe madrilenha.

Na opinião de Rodrygo, "os melhores jogadores do mundo" estão no time do PSG, mas, apesar disso, o Real Madrid tem condições de avançar na Liga dos Campeões por ter um time bem estruturado.

"Foi um pouco cedo esse jogo contra o PSG [pela Liga dos Campeões da Europa]. Podia ser mais para frente. Mas, já que está aí, a gente vem fazendo uma ótima temporada, se a gente continuar com essa consistência tanto defensiva quanto ofensiva, a gente tem tudo para passar", declarou Rodrygo em entrevista ao TNT Sports.

"Eles têm os melhores jogadores do mundo no mesmo time. É difícil, é um excelente time, mas pelo nosso coletivo, o trabalho bom que a gente vem fazendo, acho que a gente tem a possibilidade de passar e é isso que a gente vai buscar", acrescentou.

Para Rodrygo, os dois jogos terão um sabor especial, já que ele vai enfrentar Neymar, que o inspirou em sua carreira de atleta. Ambos foram revelados nas categorias de base do Santos.

"Enfrentar o Neymar é especial. O Neymar eu sempre acompanhei no Santos. Era impossível não gostar de vê-lo jogando e eu sempre estava na Vila Belmiro para vê-lo jogar. Para mim, com certeza, vai ser um dia especial. Não queria jogar contra ele, mas, como é o que tem, vai ser um dia especial, tomara que a gente vença", declarou.

Mbappé no Real Madrid

Por fim, Rodrygo ainda falou sobre as especulações envolvendo uma possível transferência de Mbappé ao Real Madrid. Apesar de ver o atacante do PSG como mais um concorrente para a posição, o brasileiro disse que seria uma honra jogar ao lado do craque francês.

"Desde que eu cheguei aqui falam bastante, não só do Mbappé, mas de muitos jogadores. Não sei como está a situação. A concorrência aqui já é muito grande. Com certeza seria mais um. Um nome muito forte para a concorrência, mas primeiro para ajudar a equipe e eu ficaria feliz com a chegada dele. Também seria uma honra jogar com ele", concluiu.

Real Madrid