PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Carille admite que desempenho do Santos diante do Sport não foi o esperado

Bruno Fernandes

Colaboração para o UOL, em Maceió

17/10/2021 23h53

Classificação e Jogos

O técnico Fábio Carille, do Santos, não poupou críticas ao baixo desempenho em jogo mostrado pela sua equipe diante do Sport no empate em 0 a 0, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena Pernambuco. Para o treinador, o desempenho mostrado em campo ficou abaixo do esperado e algumas jogadas que esperava que dessem certo, não surtiram o efeito desejado.

Durante boa parte da partida o Peixe foi pressionado pela marcação pesada em cima de seus atacantes, principalmente Marinho, que não conseguiu aparecer no jogo e consequentemente obrigou o Santos a ficar mais recuado.

No meio do segundo tempo, Marinho se posicionou para bater uma falta da intermediária. Ele iria bater direto, era claro. O narrador da partida no Premiere, Rembrandt Junior, avisou: "Será que vamos ter um mini-míssil aleatório?" O santista correu, chutou e a bola bateu na barreira, resumindo em um lance as jogadas do Peixe.

"A gente ainda está insistindo com a bola do mesmo lado. Com isso, está ficando fácil para o adversário nos bloquear. Agora, a partir desse momento, a gente começa a pensar no América", comentou o treinador.

A intensidade do jogo diante do Sport melhorou no final do primeiro tempo, mas voltou a cair nos minutos iniciais da segunda etapa, permitindo que o Sport conseguisse se infiltrar com mais frequência na defesa santista, que não conseguiu ter uma boa comunicação na partida e não levou gol por demérito do Leão.

"Nos preparamos para fazer mais hoje. Infelizmente, ficamos abaixo do esperado. Levamos o jogo para casa, as partidas que a gente tem em casa. E já começo a convocar o torcedor santista para que crie um ambiente muito positivo, igual foi contra o Grêmio, agora com a capacidade um pouco maior", disse Carille.

Com mais um ponto somado, o Santos subiu uma colocação na tabela e agora está na 15ª, com 29 e dormindo fora do Z-4, um a mais que o Juventude, que abre a degola. Na próxima rodada, no sábado (23), às 21h, a equipe recebe o América-MG, na Vila Belmiro.

Futebol