PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Enderson fala sobre discussão por falta de apoio de torcedores: 'Decepção'

Rafael Navarro disputa bola com Betão em jogo do Botafogo contra o Avaí pela Série B - Jorge Rodrigues/AGIF
Rafael Navarro disputa bola com Betão em jogo do Botafogo contra o Avaí pela Série B Imagem: Jorge Rodrigues/AGIF

Colaboração para o UOL, em São Paulo

02/10/2021 21h44

O técnico Enderson Moreira afirmou estar decepcionado com a falta de apoio dos torcedores ao Botafogo no período em que o time passa por dificuldades na Série B. Na derrota de hoje (2) para o Avaí, o treinador pediu ânimo à torcida e bateu boca com alguns botafoguenses presentes no estádio, que responderam ao comandante do Glorioso.

"Lamento profundamente que torcedores que estão aqui tragam tanta negatividade numa competição que sabemos que é difícil. Foram nove jogos em casa, e no primeiro revés parece que tudo está errado. E eu alertei anteriormente: ninguém fica um turno todo só com vitórias. Saímos de uma 14ª colocação, com pouquíssimas perspectivas de conquistar algo esse ano, e estamos agora no G4", disse Enderson, que também agradeceu aos torcedores que apoiaram a equipe durante a partida no Nilton Santos.

Segundo o técnico, a postura dos torcedores pode influenciar diretamente nos resultados da equipe, que somou somente um ponto nos últimos dois jogos.

"Quando mais precisamos de apoio, é a hora que a gente menos tem. Se vier pra cá e colocar mais pressão, as nossas chances vão diminuir muito. Quem está vindo para o estádio tem que ter essa noção. Fiquei muito chateado. É uma grande decepção pra mim que nesses primeiros contatos [com a torcida] a gente não tenha, durante o jogo, o apoio que precisamos. Estamos próximos, é uma briga muito grande, e a gente confia muito que vai chegar ao fim [com o acesso]", prosseguiu.

Em mais de uma oportunidade Enderson falou sobre a sequência que levou a equipe de General Severiano do meio da tabela aos primeiros lugares, à qual se referiu como "recuperação maravilhosa".

"Saímos de uma situação muito complicada. Não foi mérito do Enderson, foi de todos, de encarar essa dificuldade e batalhar para continuarmos firmes. O que estava acontecendo com o Botafogo era um ponto fora da curva, não é comum, estávamos sempre alertando", comentou o técnico.

Acerca da derrota —de virada, por 2 a 1— para o Avaí, o treinador avaliou uma melhora de sua equipe na etapa final, quando abriu o placar. Apesar da derrota, ele observou um "jogo muito parelho".

"Qualquer erro de um lado ou do outro poderia ocasionar numa vitória ou derrota. Quando estávamos melhor, tivemos um lance num cruzamento na área, que acabou se tornando um gol. Isso abateu um pouco e tivemos a infelicidade de sofrer um segundo gol quando perdemos o controle do jogo", pontuou.

O próximo compromisso do Botafogo será diante do CRB, na próxima sexta-feira (8), novamente no Nilton Santos, às 19h.

Futebol