PUBLICIDADE
Topo

Barcelona

Mauro: Nem Messi poderia, sozinho, salvar o Barcelona deste período

Colaboração para o UOL, em Santos (SP)

01/10/2021 04h00

Classificação e Jogos

A situação do Barcelona, que voltou a ser derrotado na Liga dos Campeões e acumula uma dívida bilionária, foi um dos temas abordados por Mauro Cezar no quadro "Fala, Maurão". O colunista do UOL Esporte diz que Lionel Messi escapou de continuar sofrendo e que nem mesmo a permanência do argentino evitaria um "período terrível" do clube.

"A ausência de Messi não é o único problema do Barcelona. O problema é maior, e passa por uma dívida superior a 1 bilhão de euros. O elenco não é ruim, mas a crise é tamanha que parece ir se alastrando do gabinete dos dirigentes até o gramado, e isso explode dentro de campo", diz Mauro Cezar a partir dos 3min15 do vídeo acima.

"É uma questão institucional, e a saída de Messi agrava esse cenário. Mas, mesmo que ele permanecesse, dificilmente, o Barcelona estaria navegando em mares muito mais tranquilo. Na verdade, o Messi escapou de continuar sofrendo no Barcelona que já foi eliminado de temporadas recentes na Liga dos Campeões, com ele em campo, sendo até goleado", recorda.

Mauro Cezar lembra que não é de hoje que o Barcelona vem perdendo prestígio e diz que a saída de Messi só ajudou a visualizar melhor este cenário.

"Já há algum tempo, o Barcelona vem despencando, e a saída de Messi torna o cenário ainda mais complicado. Mas, nem Messi, se continuasse no Barça, poderia, sozinho, salvá-lo de um período terrível de reconstrução que deve demorar para passar", completa.

Barcelona