PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Após liberação, São Paulo x Santos será 1º clássico com volta de torcida

Estádio do Morumbi voltará a receber são-paulinos 575 dias após última partida com público, em março de 2020 - Marcello Zambrana/AGIF
Estádio do Morumbi voltará a receber são-paulinos 575 dias após última partida com público, em março de 2020 Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Arthur Sandes

Do UOL, em São Paulo

28/09/2021 20h16

Classificação e Jogos

Após a aprovação do retorno do público no Campeonato Brasileiro, o Morumbi vai voltar a receber são-paulinos na quinta-feira que vem (7), no clássico entre São Paulo e Santos pela 24ª rodada. Até 20 mil ingressos poderão estar à venda, o equivalente a 30% da capacidade do estádio tricolor.

A liberação foi votada hoje (28) por 19 clubes da Série A —só o Flamengo não participou. O São Paulo e outros 17 clubes se posicionaram a favor do retorno do público, e apenas o Atlético foi contrário. A 23ª rodada já pode ter torcida nos estádios neste final de semana, quando o Tricolor visita a Chapecoense na Arena Condá, mas o reencontro do time com os tricolores só acontece mesmo no clássico.

Os 30% de capacidade são a porcentagem liberada pelo Governo do Estado de São Paulo na semana passada. O número sobe a 50% a partir de 15 de outubro, e já em 1º de novembro os estádios poderão ter lotação máxima. No boletim divulgado hoje, o Estado registrou 253 novas mortes por covid-19.

Ainda de acordo com o Governo, os ingressos só serão vendidos a quem já tiver a vacinação completa ou, em caso de apenas uma dose, também com a apresentação de um exame negativo para covid-19.

Não está claro como será a fiscalização na venda de bilhetes e na entrada dos torcedores nos estádios. O UOL Esporte apurou que o São Paulo estuda estes detalhes e deve começar a comercializar ingressos nos próximos dias.

O último jogo com público no Morumbi foi a vitória do São Paulo por 3 a 0 sobre a LDU, em 11 de março do ano passado, válida pela fase de grupos da Copa Libertadores 2020. Cerca de 39 mil pessoas estiveram no estádio naquela noite e viram Reinaldo abrir o placar de pênalti, depois dar assistência para Daniel Alves ampliar, e por fim Igor Gomes fechar o placar no segundo tempo. Curiosamente, o jogo seguinte do São Paulo (e do Morumbi) foi justamente um clássico contra o Santos (2 a 1), mas já sem público devido à proibição de eventos com aglomerações no começo da pandemia no Brasil.

Antes do San-São da semana que vem, os rivais têm compromissos pelo Brasileirão neste domingo (3). O São Paulo visita a Chapecoense às 16 horas (de Brasília), depois o Santos recebe o Fluminense às 18h15. O clássico está marcado às 18h30 de quinta-feira (7).

São Paulo